31 outubro 2013

O silêncio exato

Quem procura as melhores palavras, ainda não está certo. Devemos procurar o melhor silêncio. O silêncio exato. Não me esqueço o dia em que não fizemos nada, nada mesmo, parados, nos olhando como cúmplices, rindo a esmo, abraçados, olhando a janela como um vinho aberto. O futuro passeava pela janela. Talvez tenha me visto de mãos dadas com ela na velhice ou na infância. Não importa em que tempo estávamos. No nosso idioma, as pequenas gentilezas, como empurrar a cadeira para sentar ou amarrar os cadarços um do outro, já são suficientes para nunca esquecer os dias.
— Fabrício Carpinejar .

Cobra Engole Homem

É... parece que essa história de pescador mas é verdadeira... (infelizmente). Aconteceu em Julho de 2000.
Uma História De Pescador Para Ninguém Desacreditar.
Nem todo o mundo acredita em estórias de pescadores.
No fundo as estórias São verídicas e a fama de que os pescadores são mentirosos é pelo fato de eles aumentarem em muito suas aventuras.
Aqui no entanto uma estória verídica, sobre uma cobra que engoliu um dentista pescador identificado como sendo José Ronaldo.
O fato verídico aconteceu em Mato Grosso, mais precisamente as margens do rio Araguaia.
Um grupo de quatro pescadores do interior paulista dentre eles o dentista José Ronaldo, se aventurou como faziam já há tempos, nesta época do ano, a uma pescaria nas águas do famoso rio, em busca de grandes pintados, pirarucus, pirararas, tucunarés e piraíbas.
Mas na verdade acabaram encontrando uma sucuri de 12 metros e meio que pôs fim a sua pescaria.
Tão logo chegaram as margens do rio, escolheram uma clareira para montar acampamento e ao entardecer, resolveram tentar descobrir pesqueiros.
Os quatro se separaram ao anoitecer, apenas três retornaram, ao acampamento. Preocupados os três começaram a gritar mato afora, o nome do dentista. Nenhuma resposta e a mata fechada, aliada á falta de luz fez com que voltassem ao acampamento, e esperaram pelo amanhecer.
Os três passaram a noite acordados. Acreditavam que José Ronaldo tinha sido atacado por uma onça ou qualquer outro animal, com os primeiros raios de sol deram continuidade as buscas. Bateram vários quilômetros e somente no final da tarde encontraram a primeira pista para localizar o dentista.
Eram pedaços de suas roupas que estavam a margem do rio.
Havia sinais de luta. Logo dois pescadores pensaram que se tratava de um assalto, ou seqüestro e ressurgiram as esperanças de que José Ronaldo ainda estivesse vivo.
O terceiro pescador mais experiente viu o mato amassado e afirmou que aquele rastro era de uma cobra provavelmente uma sucuri ( * ) e ela deveria de ter mais de dez metros. Com a aproximação da noite os três voltaram ao acampamento, e somente no dia seguinte seguiram o rastro encontrado. Na tarde do terceiro dia eles avistaram uma grande cobra sucuri deitada dormindo ao lado do rio.
Era enorme tinha parte do corpo deformado. Logo eles suspeitaram ser o corpo do dentista.
Usando um revolver e pedaços de paus eles atingiram a cabeça da cobra,matando-a e em seguida a carregaram até o acampamento, onde a colocaram na carroceria de um caminhão e foram para Barra do Garça.
A cobra foi aberta e o corpo do dentista retirado.
A estória não teve que ser aumentada e ao contrario de outras contadas por pescadores não teve um final feliz .( * )
A sucuri é uma cobra que não possui veneno, ela se enrola na vitima.
Sufoca-a, quebra-lhe todos os seus ossos e a engole deslocando suas mandíbulas .
Leia Mais no SitedeCuriosidades.com

Menina mantida em armário por seis anos nos EUA supera, aos poucos, abusos da mãe e do padrasto

Pela primeira vez em anos, Lauren Kavanaugh deixou os antidepressivos e remédios para transtorno bipolar de lado. Passou a fazer exercícios, a conversar mais e concluiu o ensino médio. Aos 20 anos, a jovem que vive em uma casa de campo na cidade de Canton, no Texas, nos Estados Unidos, parece superar o passado aos poucos. Aos 8 anos de idade, ela foi resgatada pela polícia dentro de um closet onde era mantida desde os 2 anos.
A história é semelhante ao caso que foi noticiado nos últimos dias. Uma mãe na França manteve a filha de 2 anos escondida desde o nascimento, no porta-malas de um carro. A menina foi encontrada por um mecânico, desnutrida e com atrasos intelectuais. A mãe foi presa e o advogado de defesa alegou que a mulher não tinha plena consciência do que havia feito.
No caso de Lauren, não há dúvidas de que a mãe tinha total consciência dos atos. A menina passou passou seis anos trancada. Durante esse tempo, sofreu abuso sexual, foi maltratada fisicamente e psicologicamente pela própria mãe e pelo padrasto. Quando finalmente foi encontrada, Lauren tinha um retardo mental. Segundo uma matéria especial publicada pelo jornal The Dallas Morning News, aos 8 anos ela não sabia sentar em uma cadeira, segurar um lápis e muito menos conhecia o alfabeto.
- Quando eu comecei a ver Lauren, ela não era sociável, tinha uma depressão crônica, era suicida e se sentia sem esperanças - contou Lindsay Jones, terapeuta da jovem há seis anos. - Hoje, ela está pronta para abraçar o passado. Ela não tem mais vergonha disso. Ela pensa ‘isso aconteceu comigo, mas ainda estou aqui. Sobrevivi e estou prosperando’.
Lauren vive com a mãe adotiva, Sabrina Kavanaugh, e três cachorros. Sabrina e o marido adotaram Lauren ainda bebê, mas foram obrigados a devolvê-la para a mãe biológica, Barbara Atkinson, quando a menina tinha 1 ano e 8 meses. Barbara alegava que havia se arrependido de ter dado a filha para adoção.
Nas mãos de Barbara e de Kenneth Ray Atkinson, ela sofreu durante seis anos, presa em um armário. Quando a policia a encontrou, Lauren estava suja, sentada nas próprias fezes e urina e tinha a boca suja de excrementos. O casal não alimentava a criança, a agredia e a estuprava. Aos 8 anos, Lauren pesava o mesmo que uma criança de 2 anos. Dentro do closet, ela só via um feixe de luz que passava sob a porta.
Lauren, quando foi encontrada
Blake Strohl, filha mais velha de Barbara e meia-irmã de Lauren, conta que, aos 10 anos, viu a menina machucada em inúmeras ocasiões. Às vezes, tirava a irmã do armário no meio da noite e dava um banho nela. A menina tinha queimaduras de cigarro pelo corpo, manchas de sangue e a vagina inchada.
- Eu sabia que ela precisava de ajuda - disse a jovem, hoje com 23 anos. - Ela conseguia falar comigo, mas era quase como se eu estivesse falando com um bebê.
Ao Dallas Morning News, Blake contou também que a vida sexual da mãe e do padrasto era bastante ativa.
A menina tinha o peso de uma criança de 2 anos
- Eu sabia que eles faziam muito sexo porque podia ouvir, mas não sabia o que estavam fazendo com ela. Eles sempre ligavam música muito alto. Lauren gritava, mas eu sempre pensava que eles estavam batendo nela. Ela gritava demais.
Ela vivia em um armário, em condições desumanas
Pelo que fizeram com Lauren, Barbara e Kenneth foram sentenciados à prisão perpétua. Sabrina conseguiu adotar a criança, definitivamente, cerca de um ano após o resgate. Lauren foi libertada aos 8 anos, mas condenada a carregar as lembranças da infância pelo resto da vida.
- Espero um dia ter uma vida normal. É claro que a minha vida nunca foi normal - disse Lauren, em entrevista à publicação. - Eu não quero ser como os meus pais. Esse é o meu foco. Eu tenho medo de virar o que eles eram, porque todos os dias eu sinto isso. Eu tenho aquele raiva dentro de mim como a minha a mãe.
Lauren sofreu muitos abusos
Leia mais: http://extra.globo.com

Mercado se desculpa por colocar membros humanos falsos em congeladores na Noruega

Um brincadeira de Halloween, feita por uma rede de supermercados na Noruega, assustou clientes e levou a empresa a pedir desculpas formalmente, nesta quinta-feira. A rede Europris, com unidades espalhadas por todo o país, deixou membros humanos de borracha embalados ao lado de carnes animais, em seu setor de congeladores, durante vários dias. A “pegadinha” causou indignação entre os consumidores.
“É uma vergonha que o Halloween, uma tradição americana, seja imposta desta forma, empurrada pela nossa garganta”, disse Mona Urfjell, cliente da Europris, ao Daily Mail. Ainda segundo a publicação, houve até casos de crianças assustadas chorando nas lojas. “Já não temos violência o suficiente no país para que essas pessoas coloquem coisas tão bizarras nas lojas?”, completou o consumidor Ivar Larsen.
Mãos humanas foram embaladas e colocadas nos cogeladores dos mercados
Imagens das partes do corpo humano de brinquedo foram compartilhadas nas redes sociais. Através do Facebook, a Europris foi bombardeada por reclamações.
Perante a má repercussão, o porta-voz da rede, Knut Spaeren, pediu desculpas e afirmou que os brinquedos foram recolhidos das unidades. “Não queríamos chatear ninguém, especialmente crianças. Retiramos os falsos membros humanos imediatamente”, disse.
As "brincadeiras" relacionadas ao Halloween nem sempre agradam, até mesmo nos Estados Unidos. Um norte-americano criou pânico entre seus vizinhos, depois de fazer uma 'pegadinha' para comemorar a data, em seu quintal, na cidade de Mustang, em Oklahoma (EUA). Para celebrar o Dia das Bruxas, Johnnie Mullins colocou dois bonecos simulando corpos ensanguentados, em frente a sua casa. A cena de crime realista chamou atenção de quem morava próximo a ele. A polícia local foi acionada.
Rostos humanos de borracha foram embalados e colocados nos cogeladores dos mercados
Leia mais: http://extra.globo.com

29 outubro 2013

Na delicadeza das palavras

Na delicadeza das palavras procurei escrever sua presença e descrever o quanto é fascinante pensar em você. Entenda que minhas mãos livres, que agora se dedicam à escolha das palavras certas, gostariam de estar presas às suas para te prensar: te segurar: e não te deixar voar. E que meus lábios secos, que agora se dedicam ao deserto silêncio da imaginação, gostariam de molhar os seus e desaguar no seu mundo até você florescer e germinar e brotar no jardim da minha poesia, como as lírios peruanos: suas flores preferidas: que sobrevivem muito bem sozinhas, certo, mas vivem muito mais quando têm alguém para alegrar suas dores ou admirar a beleza de suas cores. Entenda também que quando não ouvi sua voz: escrevi o timbre doce e delicado do som das suas palavras. Quando não te vi: descrevi toda a grandeza e a escuridão que habitam na profundeza lírica dos seus olhos: grandes e quase negros. E quando não consegui te tocar ou alcançar a maciez da sua pele: improvisei literalmente a textura da sua derme: tão branca: tão macia: e pude tatuar palavras que eu não sabia que existiam: e pude tatear tua alma como quem acaricia estrelas no céu, sem saber que elas também brilham e se espalham no chão: sem saber que elas brilham e se espelham em você para iluminar o mundo: o meu mundo.
— Eu me chamo Antônio.  

Escola se desculpa por tirinha com palavrão em prova do 4º ano no AC

A Escola Luiza Batista de Souza, em Rio Branco, reconheceu o erro na aplicação de uma prova aos alunos da 4ª série do Ensino Fundamental contendo uma questão com uma palavra obscena em uma tirinha da Turma da Mônica. A instituição se desculpou, em nota, pelo ocorrido e esclareceu que houve um equívoco no momento em que o quadrinho foi copiado da internet.
"O erro, que a equipe escolar reconhece e assume com humildade, resultou de uma operação de 'copiar e colar' na internet. O original da referida prova, anexo, traz a tirinha original da ‘Turma da Monica’ do escritor Mauricio de Souza. Ao acessar a internet não se teve o cuidado devido de observar a versão que estava sendo copiada, cujo conteúdo é impróprio e não recomendado para uma instituição escolar", diz.
Tirinha da Turma da Mônica vem com palavrão em prova de escola no Acre  (Foto: Eliane Sinhasique/Arquivo pessoal)
A nota ressalta ainda que a Secretaria Estadual de Educação (SEE) orienta as escolas da rede pública 'para que tenham o máximo cuidado com a elaboração e revisão dos materiais destinados aos alunos para que não tenham erros conceituais, de interpretação dúbia ou conteúdos inadequados'.
Sobre o erro, ela diz não ter sido intencional 'uma vez que o trabalho da equipe escolar é pautado por princípios éticos e morais, essenciais à formação ao desenvolvimento pleno de cada um de nossos alunos', garante.
Tirinha da Turma da Mônica vem com palavrão em escola do Acre (Foto: Yuri Marcel/G1)
Professora mostra rascunho da prova com tirinha original enviada à secretaria da escola (Foto: Yuri Marcel/G1)
Entenda o caso
Pais de alunos do 4º ano do Ensino Fundamental da Escola Luiza Batista de Souza, em Rio Branco, ficaram chocados com uma questão de prova aplicada pela professora de língua portuguesa da instituição. A avaliação continha uma tirinha da Turma Mônica com um palavrão.
O quadrinho mostra uma conversa entre Cebolinha, Magali e um pipoqueiro.
- Eu quelo um saco de pipoca — pede Cebolinha.
- E a garotinha? — pergunta o pipoqueiro.
- Uma pica! — responde Magali.

Criminosos agridem jovens e estupram adolescente grávida no Rio

Um rapaz de 18 anos e um casal de adolescentes foram torturados na noite de segunda-feira (28) por um grupo de traficantes, como mostrou o Bom Dia Rio. O crime aconteceu no Morro do Banco, no Itanhangá, Zona Oeste do Rio. A polícia contou que a favela foi invadida por criminosos que fugiram do conjunto de favelas do Lins, pacificado no início do mês de outubro. Uma das vítimas é uma menina de 14 anos que está grávida e foi estuprada.
O jovem de 18 anos ficou com marcas pelo corpo, resultado da tortura cometida por traficantes, que ele sofreu com outros dois amigos: um de 16 anos e outra de 14. Duas das vítimas tinham se mudado recentemente da Rocinha para a comunidade.
“Falaram que a gente era X9, que a gente estava no morro deles para ver como que estava o tráfico lá para gente ir pra Rocinha e falar como que estava o tráfico lá. Eu acho que é porque eles pensavam que a gente era olheiro”, contou uma das vítimas.
O jovem contou com detalhes os momentos de terror que viveu.
“Quando a gente foi ver eles estavam vindo com um monte de pedaço de madeira. Aí mandaram a gente estender a palma da mão e a palma do pé e começaram a bater: coronhada de arma, muita coisa. Aí pegaram a fita isolante, enrolaram a gente, fizeram a gente tipo de balanço, um pelo pé e pela mão e jogaram a gente no mato. Tinha mais de 15, no começo tinha cinco, aí foi chegando. Chegou até um viciado aí eles falaram: aí, não quer dar uma porrada nele não? Aí deram uma madeira para o viciado e o viciado bateu na gente”, revelou a vítima.
Além de torturada, a menina de 14 anos, que está grávida de dois meses, também foi estuprada. “Estupraram uma delas. Levaram ela para um canto e estupraram ela. Um só estuprou ela. Eu acho que era o traficante que era o dono de lá, chefe do tráfico”, disse o jovem.
A sessão de tortura durou pelo menos duas horas. Depois de agredidas, as vítimas foram amarradas e abandonadas em um matagal. Quando eles perceberam que os bandidos não estavam mais por perto, conseguiram se soltar e pedir ajuda à polícia.
Duas vítimas foram levadas pelos policiais militares para a delegacia da Barra da Tijuca. A garota violentada foi encaminhada para um hospital da região. “Me sinto um pouco com medo, mas melhor. Eu pensei que eu não ia sobreviver”, disse uma das vítimas.

28 outubro 2013

Plante Seu Jardim e Decore Sua Alma

Aprende que quando está com raiva tem o direito de estar com raiva, mas isso não te dá o direito de ser cruel. Descobre que só porque alguém não o ama do jeito que você quer que ame, não significa que esse alguém não o ama, contudo o que pode, pois existem pessoas que nos amam, mas simplesmente não sabem como demonstrar ou viver isso.
Aprende que nem sempre é suficiente ser perdoado por alguém, algumas vezes você tem que aprender a perdoar-se a si mesmo. Aprende que com a mesma severidade com que julga, você será em algum momento condenado. Aprende que não importa em quantos pedaços seu coração foi partido, o mundo não pára para que você o conserte. Aprende que o tempo não é algo que possa voltar para trás.
Portanto... plante seu jardim e decore sua alma, ao invés de esperar que alguém lhe traga flores. E você aprende que realmente pode suportar... que realmente é forte, e que pode ir muito mais longe depois de pensar que não se pode mais. E que realmente a vida tem valor e que você tem valor diante da vida!
— William Shakespeare

Lugar mais frio conhecido no Universo lembra forma de fantasma

Astrônomos do Observatório Alma, no Chile, enxergaram um novo formato da Nebulosa do Bumerangue, nuvem de gás e poeira que é o lugar conhecido mais frio no Universo, com temperatura de -272° C. As imagens capturadas revelam que ela tem um formato alongado, parecido com o desenho de um fantasma.
Segundo os pesquisadores, o que se vê nas novas imagens do Alma é um truque de luz. Nebulosas planetárias, como a Bumerangue, são estrelas no final de sua existência. Ao centro, é possível observar estrelas anãs brancas, que emitem uma intensa radiação ultravioleta que faz com que o gás ao seu redor brilhe e emita luz com cores vibrantes.
As primeiras imagens da nebulosa, feitas com telescópios terrestres, mostravam uma forma curvada, que deu origem ao seu nome. Outras fotografias, registradas pelo Telescópio Espacial Hubble em 2003, exibiam um perfil mais semelhante a uma gravata borboleta.
"Esse objeto ultrafrio é extremamente intrigante, e estamos aprendendo muito sobre sua verdadeira natureza", disse Raghvendra Sahai, pesquisador e principal cientista do Laboratório de Propulsão a Jato da Nasa em Pasadena, na Califórnia, em nota divulgada pelo Observatório Nacional de Radioastronomia dos Estados Unidos. "O que parecia um lóbulo duplo ou a forma de bumerangue é, na verdade, uma estrutura muito mais ampla que está se expandindo rapidamente para o espaço."
A Nebulosa do Bumerangue fica a 5 mil anos-luz de distância da Terra, na constelação do Centauro. Segundo os astrônomos do Alma, trata-se de uma nebulosa pré-planetária, na qual a estrela central ainda não está quente o suficiente para emitir a radiação ultravioleta que produz seu brilho característico.
A nuvem de gás e poeira dessa estrela está se expandindo e esfriando rapidamente, num processo semelhante ao dos refrigeradores que usam gás expandido para produzir temperaturas frias. Os cientistas mediram a temperatura do gás na nebulosa ao observar como ela absorve a radiação cósmica de micro-ondas, que têm temperatura de -270° C.
A pesquisa também revela que as franjas exteriores da Nebulosa do Bumerangue começam a se aquecer, apesar de ainda serem mais frias que a radiação cósmica. Segundo os cientistas, o aquecimento deve acontecer por conta do efeito fotoelétrico, em que a luz é absorvida pelo material sólido, que por sua vez reemite elétrons.
Nebulosa Boomerang, lugar mais frio do universo, tem forma de fantasma (Foto: Bill Saxton; NRAO/AUI/NSF; NASA/Hubble; Raghvendra Sahai)

Vídeo: peixe pula para dentro de barco e obriga pescador a saltar no mar

Para salvar a própria vida, um pescador foi obrigado a saltar no mar depois que um marlim fisgado por um de seus companheiros pulou para dentro do barco. O peixe começou a se debater violentamente na embarcação, gerando pânico nos dois homens que permaneceram a bordo.
Toda a ação aconteceu em menos de 50 segundos e foi filmada. O vídeo, publicado no último domingo no Youtube, já conta com mais de 8 mil visualizações.
O pescador que saltou no mar conseguiu nadar até o barco e ser salvo por um dos colegas.
Os marlins são peixes que podem atingir velocidade de até 120 km/h.

Casal é preso na França por manter filha pequena em porta-malas de carro desde o nascimento

Um casal foi preso na cidade de Brive-la-Gaillarde, na França, acusado de manter a filha deles no porta-malas de um carro. A menina tem entre 1 e 2 anos, segundo a imprensa local, e tudo indica que ela vivia ali dentro desde o nascimento. Quando foi encontrada, ela estava desidratada e nua.
A criança foi descoberta quando a mãe, de 45 anos, levou o veículo a uma oficina para reparos. Os mecânicos estranharam o forte cheiro de excrementos que vinha do porta-malas e, ao abrir, encontraram a garotinha em uma cesta. Eles chamaram a polícia em seguida. A menina tinha febre e foi levada ao hospital.
- Eu senti que ela precisava de ar, que ela estava sufocando - contou um dos mecânicos à emissora de televisão francesa TF1.
Segundo o promotor do caso, Jean-Pierre Laffitte, um teste de DNA comprovou que ela é mesmo filha do casal. A criança não apresenta peso ou tamanho compatíveis com a idade. Ela também tem um retardo psicológico e psicomotor. A menina não teria sofrido agressões físicas, de acordo com a investigação.
- O bebê foi escondido de todos, aparentemente desde o nascimento. É uma situação que desafia a crença - disse o promotor.
O motivo pelo qual a menina era mantida no porta-malas do carro ainda não foi esclarecido, de acordo com o site Sudouest. o casal, de Portugal, tinha outros três filhos, de 4, 9 e 10 anos, que estão sob os cuidados do Estado. Quando foi preso, na sexta-feira, o pai estava bastante bêbado e disse não saber da existência da menina. Os dois podem ser condenados a até 10 anos de prisão.
Os vizinhos do casal disseram que a mulher passava muito tempo no carro.
- Eu me lembro de ter visto a mulher muitas vezes na semana no carro, estacionado a uns 200 metros da casa - contou uma vizinha. - Mas não conseguíamos ver o que ela estava fazendo no porta-malas.
Os dois estão sob custódia

Cirurgia plástica deixa apresentadora de TV com o rosto deformado no PR

Uma apresentadora de TV de Cascavel, no oeste do Paraná, teve de abandonar o programa que comandava há 32 anos por causa de uma cirurgia plástica realizada há seis meses em uma clínica particular. Edileusa Fabrini, de 65 anos, considerada a "Rainha dos Caminhoneiros", teve o rosto desfigurado devido ao procedimento. “Não tem dinheiro que pague o meu sorriso. É igual uma vida. Que dinheiro paga uma vida?”, questiona.
Emocionada, no último programa, exibido em setembro, ela contou como ocorreu o procedimento cirúrgico e que estava abandonado o programa, além dos shows que realizava em todo o Brasil, principalmente no sudoeste do Paraná “Eu pensava em chegar toda linda e maravilhosa. Eu queria me mostrar mais bonita porque, hoje, com a TV digital, eu tinha esse direito. Todo mundo gosta de ficar bonita”, disse.
Edileuza lembra com muita emoção a decisão de fazer a cirurgia no rosto, que, segundo ela, partiu do próprio médico.  “Eu falei que queria apenas fazer uma cirurgia no seio. Mas o médico olhou para mim e disse: ‘qual sua profissão?' Falei para ele que era apresentadora e ele disse: ‘Não, então vamos fazer uma plástica. A senhora vai ficar muito linda. Porque a senhora está muito velha, a senhora está muito envelhecida, a senhora está velha demais, está acabada. O seio não tem problema’. Ele ficou tão encantado em fazer o meu rosto que a impressão que dava é que eu ia ficar muito bonita”, acrescentou.
Edileuza Fabrini antes e depois da cirurgia (Foto: Edileuza Fabrini/Arquivo Pessoal)
Segundo ela, com o apoio da família, mas ainda receosa em fazer a cirurgia, decidiu por fazer, já que “ficaria mais bonita para aparecer na TV”. No dia da cirurgia, porém, a apresentadora lembra que percebeu que algo tinha ocorrido errado. “Eu ouvia os médicos e enfermeiros falando 'volta Edileuza, volta Edileuza'. Eu escutava o desespero do pessoal e não conseguia fazer nada”, disse.
Após 12 horas, a paciente foi levada para o quarto. Mas sentia muitas dores. “Aquela noite eu não dormi. Gritei a noite inteira. (...) Todas as enfermeiras viram que eu estava muito mal e me aplicaram injeção na veia a noite inteira”, lembrou. Ela conta ainda que o médico que a operou só foi vê-la no dia seguinte e afirmou que as dores eram “normais”. “Eu falei para ele que não tinha dormido a noite inteira de dor e ele disse que era normal. Depois me mandou embora”, garantiu.
O maior ressentimento de Edileuza, conta ela, é o médico ter dado alta, embora soubesse que estava sentindo muitas dores. “Ele deveria ter me segurado no hospital, ter me colocado numa UTI, ter pegado a equipe do hospital, ter pegado um neurocirurgião, feito uma eletromiografia e já ia ver os nervos lesados”, completou.
Já em casa, ela lembra que só chorava. “Eu não enxergava, nos primeiros dias, eu tinha dores demais. Tudo o que eu comia caia da boca. Aliás, até hoje eu não posso comer perto dos outros. E eu também não sinto o sabor. O cheiro, também, eu só sinto se for muito forte”, complementa.
Cirurgia foi realizada em abril de 2013 (Foto: Cassiane Seghatti/G1)
Edileuza conta que sentia muitas dores após a cirurgia (Foto: Edileuza Fabrini/Arquivo Pessoal)
A apresentadora exibe com orgulho o cenário usado no programa e que fica na sala casa dela (Foto: Cassiane Seghatti/G1)

25 outubro 2013

Não se acostume com o que não o faz feliz

Não se acostume com o que não o faz feliz, revolte-se quando julgar necessário. 
Alague seu coração de esperanças, mas não deixe que ele se afogue nelas. 
Se achar que precisa voltar, volte! 
Se perceber que precisa seguir, siga! 
Se estiver tudo errado, comece novamente. 
Se estiver tudo certo, continue.
Se sentir saudades, mate-a. 
Se perder um amor, não se perca! 
Se o achar, segure-o!
Silvana Duboc

Veja os raros casos de gêmeos com pais diferentes

É possível uma mulher dar à luz gêmeos de pais diferentes?
A possibilidade existe, mas é raríssima. “A mulher geralmente apresenta uma única ovulação a cada ciclo menstrual, mas acontece, muito de vez em quando, de desenvolver dois ou mais óvulos”, afirma Jorge Demétrio Banduki Neto, ginecologista-obstetra supervisor da Clínica de Obstetrícia do Hospital das Clínicas de São Paulo. Nesse caso, se ela tiver relações sexuais com dois homens durante seu período fértil, poderá ser fecundada por ambos e ter gêmeos fraternos, ou não-idênticos (gerados por dois óvulos distintos, em vez de um único óvulo fertilizado por dois espermatozóides). De cada fecundação surgirá um embrião com diferentes características, mas ambos nascerão no mesmo dia.
Alta fertilidade
Aparelho reprodutor feminino é capaz de mais de uma ovulação
1. Cerca de 14 dias após a menstruação, o folículo (bolsa onde se desenvolve a ovulação) se rompe e libera o óvulo pronto para ser fecundado
2. Em raríssimos casos, ocorre uma segunda ovulação. Durante esse período fértil, que dura quatro ou cinco dias, a mulher pode, portanto, engravidar de dois homens diferentes.

Veja 3 raros casos:

Nascimento de gêmeos de pais diferentes mexe com os moradores de Morrinhos 
Americana deu à luz gêmeos de pais diferentes
Justin e Jordan Washington
Testes de DNA revelaram que os filhos gêmeos nascidos de uma mulher nos Estados Unidos há quase um ano são de pais diferentes.
Segundo informações da rede de TV americana Fox 4, Mia Washington, de Dallas, engravidou do namorado James Harrison, e também de um outro homem, cuja identidade não foi revelada. 
Intrigada porque os meninos - hoje com 11 meses de idade - estavam crescendo com feições bastante diferentes, a mãe decidiu fazer um exame de DNA para provar a paternidade.
Para sua surpresa, o resultado confirmou que os meninos tinham 99,999 % de chances de serem filhos de pais diferentes, e 0% de chances de serem filhos do mesmo pai.
Mia Washington então procurou a rede de TV para contar sua história.
A mãe admitiu o caso, e o noivo, James Harrison - pai de um dos meninos -, diz ter perdoado a traição. Ele prometeu criar Justin e Jordan como se fossem seus filhos.
O pai do outro menino não foi identificado, mas Mia Washington disse à rede Fox que pretende contar a história aos filhos no futuro. Ela, no entanto, não pensa em entrar em contato o outro pai.
"De todas as pessoas nos Estados Unidos, e de todas as pessoas no mundo, foi acontecer comigo. Estou chocada", disse Mia Washington à Fox.
O caso de dois gêmeos de pais diferentes é bastante raro, mas pode ocorrer se a mulher liberar mais de um óvulo durante seu período fértil e tiver relações sexuais com dois homens em um curto período.
O fenômeno é conhecido como superfecundação heteropaternal.
De acordo com o médico Chris Dreiling, da Associação Pediátrica de Dallas, ouvido pelo canal de TV, "este provavelmente será o único caso que vamos ver em na cidade de Dallas. É raro assim".
Uma reportagem impressionante foi publicada no Jornal Mirror.
Marcus, mum Charlotte and Lucas
Os gêmeos Marcus e Lucas vieram ao mundo com uma diferença de 48 minutos apenas, mas eles tem dois pais diferentes
Charlotte Hilbrandt ficou grávida do ex-marido Michael e do seu novo namorado Tommy quando ela dormiu com os dois homens no período de 48 horas.
Isso significa que os meninos, que completaram seis anos na semana passada, são um dos três únicos conjuntos de gêmeos conhecidos no mundo que são genéticamente meio-irmãos, com as chances de um bilhão para um.
"Você tem mais chance de ganhar na loteria do que algo como isso acontecer", disse a mãe Charlotte.
Ela é a primeira a admitir que seus meninos são como giz e queijo. Marcus atrevido, o filho de Michael, é baixo e forte, de cabelos vermelhos com feixes de energia. Seu gêmeo Lucas, filho de Tommy, é mais alto, loiro e tem uma maneira mais suave, mais calmo.
Ainda mais surpreendente, ambos os pais são uma parte muito importante de suas vidas e Charlotte diz que eles são uma grande e feliz família.
A história da concepção bizarra dos gêmeos começou depois que Charlotte, que já tinha dois filhos de Michael Nielsen, divorciou-se dele em agosto de 2004.
"Depois que nos separamos eu comecei a sair um pouco mais", disse Charlotte. "Uma noite no bar um belo homem loiro chamado Tommy Kallehauge apareceu. Nós nos demos bem e começamos a nos ver. "
Mas Michael sempre teve a esperança de voltar com Charlotte e no calor do momento acabaram juntos no Dia de Ano Novo
Preocupada que ela pudesse prejudicar seu relacionamento com o jovem Tommy, Charlotte manteve o silêncio sobre o que tinha acontecido. "O incidente com Michael tinha sido um bota fora e eu estava determinada que ficar desse jeito", disse ela.
Mas Charlotte , alguns meses depois, sentindo-se doente e inchada, foi ao médico.
"Ele confirmou o que eu estava temendo ... que eu estava grávida ", disse ela. "Mas isso não era tudo. Eu estava esperando gêmeos. "
Com suas emoções a flor da pele Charlotte decidiu que a honestidade era a melhor política, e enfrentou a tarefa angustiante de contar aos dois homens que poderiam serem o pai dos gêmeos.
"Foi um período muito caótico", disse ela.
"Michael estava esperando mais dois filhos e isso nos traria de novo juntos, enquanto Tommy sempre quis uma família e estava desesperado para que os gêmeos fossem seus."
Michael estava com ela quando os garotos chegaram em 23 de agosto de 2005. Lucas nasceu primeiro às 1:35 seguido  48 minutos depois por Marcus às 02:23.
"Nós já tínhamos dois filhos juntos, e Michael ficou muito envolvido na minha vida enquanto eu estava grávida", disse Charlotte. "Me parecia justo que ele devesse ser o único na sala comigo."
Mas em algumas semanas do nascimento dos gêmeos, Charlotte logo percebeu que os meninos eram dificilmente duas ervilhas em uma vagem.
"Marcus era ruivo com um nariz pequeno e parecia com meus dois meninos mais velhos, Phillip e Victor.
"Lucas era loiro com suaves traços faciais e uma cabeça longa, assim como Tommy.
"Mas ter gêmeos é tão avassalador que eu quase não tinha tempo nem energia para lidar com o fato de que eles provavelmente tinham pais diferentes e que isso poderia significar para Tommy, Michael e eu.
"No entanto, era bastante óbvio, e minha mãe foi a primeira pessoa a dizer o que todos estávamos pensando. Os meninos estavam apenas com um par de semanas de idade, quando ela disse: 'Eles não são parecidos. " E foi isso. "
Apesar do que tinha acontecido Tommy, 33 anos, e Charlotte se juntaram novamente e seis meses após o nascimento dos gêmeos, eles decidiram morar juntos. Um pouco mais tarde, Tommy trombou com Michael em um bar em sua cidade natal de Aalbaek na Dinamarca.
Os gêmeos tinham um ano de idade e, Charlotte, Tommy e Michael estavam prontos para fazer um teste de DNA para descobrir com certeza que os meninos tinham pais diferentes. Poucas semanas depois, a resposta chegou pelo correio. O teste mostrou que os gêmeos, de fato, tinham pais diferentes, afirmando: "Os resultados não significam que os filhos Lucas Hilbrandt Nielsen e Marcus Hilbrandt Nielsen têm o mesmo pai biológico. A probabilidade desse impedimento é superior a 99,99 por cento. "
Charlotte disse: "Mesmo que fosse o que tínhamos sob as suspeitas, ainda era de se estranhar para ter a resposta. Nós não exatamente pulamos de alegria, e nem fomos infelizes.
"Acima de tudo foi um alívio poder acertar as coisas para que pudéssemos começar a fazer todos os nossos acordos para os meninos."
Nunca esteve em questão que ambos os pais queriam estar com seus filhos. E isso levou Tommy, Charlotte e Michael terem os meninos batizados. A igreja ficou completamente em silêncio quando o vigário chamou Marcus "Nielsen" depois seu pai Michael, e Lucas "Kallehauge" depois seu pai Tommy.
Charlotte disse: "Os amigos e familiares foram muito solidários com a situação e não houve sobrancelhas levantadas na comunidade, provavelmente, porque temos sido muito abertos sobre a situação o tempo todo.
"Um monte de gente diz que estamos mentindo... que você não pode ter gêmeos de pais diferentes ", disse Charlotte.
"É por isso que nós queremos contar a nossa história. É porque algo como isso só aconteceu algumas vezes na história. "

Cidades que podem perder a guerra contra o aumento dos mares

Cidades costeiras são algumas das áreas mais bonitas, culturalmente vibrantes e densamente povoadas. Elas também são alguns dos lugares mais populares para férias de verão. No entanto, o aumento do nível do mar ameaça essas áreas.
Os oceanos da Terra aumentaram em média de 19 centímetros entre 1870 e 2004, de acordo com um estudo da revista Geophysical Research Letters. Projeções do Conselho de Pesquisa Nacional dos EUA alertam que os mares podem subir entre 56 e 200 cm durante o século 21.
Abaixo estão nove populares cidades ameaçadas pelo invasão do mar.
Nova Orleans, EUA
Nova Orleans, no sul dos EUA, enfrenta uma dupla ameaça da terra e do mar.
A fundação enlameada não é firme o suficiente para suportar a cidade. Enquanto Nova Orleans afunda em seus pés de barro, o Golfo do México está aumentando vagarosamente seu volume de água.
A inundação desastrosa após o furacão Katrina, em 2005, colocou Nova Orleans em modo de defesa, mas mesmo os melhores esforços podem não ser suficientes.
Grande parte da cidade já está cerca de 1,5 a 3 metros abaixo do nível do mar. Um relatório do Serviço Geológico dos EUA advertiu que o oceano pode subir 2,5 a 4 metros acima da cidade em 2100.
Nova York, EUA
Nova York também teve estragos causados pela afluência do mar durante uma tempestade. Depois da supertempestade Sandy submergir partes da cidade e tirar a vida de 43 pessoas, o prefeito Michael Bloomberg orçou um projeto de 19,50 bilhões de dólares para a construção de defesas e revisão de regulamentos de zoneamento para evitar os efeitos do aumento do oceano. Esse investimento seria mais ou menos igual ao custo dos danos da supertempestade Sandy para a cidade.
Investir em medidas preventivas pode salvar Nova York de danos futuros. Long Island e Hudson River Valley podem experimentar aumentos do nível do mar entre 30 e 60 cm em 2080, de acordo com o Departamento de Conservação de Nova York.
Miami, EUA
A próspera cultura praiana de Miami, junto com grande parte do resto da cidade, pode ser engolida pelo Atlântico dentro do próximo século.
Ao contrário de Nova York, diques e muros marítimos podem não ser eficazes. A camada de calcário poroso que se encontra abaixo da cidade pode permitir que a elevação do nível do mar escoe sob a cidade. Fontes de água doce subterrâneas, ou aquíferos, já sofrem com a contaminação com água salgada na área.
Veneza, Itália
Os pitorescos e românticos canais e pontes de Veneza fornecem uma labirinto arquitetônico que conecta centenas de ilhas dentro de Veneza, na Itália. Mas a cidade tem uma longa história de inundação do Mar Adriático, e com o aumento do nível do mar e a subsidência batendo de ambos os lados das portas de 6,7 bilhões de dólares em construção, as apostas são altas para proteger a cidade quando os portões flutuantes começarem a funcionar no próximo ano.
Comparações da cidade moderna com pinturas do século 18 sugerem que a cidade afundou mais de 60 centímetros desde 1727.
O afundamento contínuo de Veneza combinado com o aumento do nível do mar irão aumentará a inundação de Veneza cerca de 4 mm por ano. Em 2032, a cidade pode afundar mais de 80 mm.
Bangkok, Tailândia
Bangkok atrai mais de 10 milhões de turistas por ano, de acordo com o Departamento de Turismo da Tailândia. No entanto, a ameaça de inundações catastróficas poderia diminuir o entusiasmo dos turistas. Durante décadas, o uso de águas subterrâneas afundou a cidade dentro do próprio terreno que foi construída, mas as recentes ações para restringir o uso de águas subterrâneas reduziram a taxa de subsidência da cidade.
Ainda assim, a cidade de Bangkok sofreu inundações catastróficas em 2011 (imagem acima), e essas inundações podem ter sido um gostinho do novo normal para a capital da Tailândia. Bangkok e outras cidades costeiras tropicais podem enfrentar maiores aumentos do nível do mar do que as cidades do norte, como Nova York, além de um crescente número de ciclones tropicais e furacões. Embora muitos países tropicais, incluindo a Tailândia, contribuam proporcionalmente menos para as causas das mudanças climáticas do que as nações do norte, áreas tropicais deverão sofrer alguns dos piores danos da elevação dos oceanos e temperaturas.
As leis da física não estão fazendo nada para corrigir esta injustiça. Conforme o gelo dos pólos derrete, a água flui em direção ao equador, formando uma protuberância devido às forças criadas pela rotação da Terra. Isso faz com que o nível do mar suba mais nos trópicos do que no norte.
Xangai, China
A localização de Xangai, na foz do rio Yangtze, a tornou uma potência comercial ao longo dos séculos, mas a mesma localização também a torna altamente suscetível a inundações.
Uma pesquisa revelou que a cidade chinesa enfrenta um grave perigo com o aumento do nível do oceano e outros efeitos das mudanças climáticas. No entanto, as autoridades da cidade afirmam que os bilhões de yuans gastos em medidas de controle de cheias e drenagem de águas pluviais fizeram a cidade mais resistente à elevação do nível do mar.
Holanda
Além de cidades individuais, a elevação dos oceanos ameaça algumas nações inteiras, como a Holanda. A nação já depende da engenharia para conter o aumento do nível do mar, como as comportas mostradas acima. A elevação do nível do mar e tempestades mais intensas tornarão mais difícil para Rotterdam e outras cidades holandesas manter a cabeça acima da água, de acordo com a mesma pesquisa que alertou para as inundações em Xangai.
Bangladesh
A elevação dos oceanos também ameaça inundar grande parte de Bangladesh. Um aumento de 1,5 metros no nível do mar poderia submergir 22 mil quilômetros quadrados do país, de acordo com o Programa Ambiental das Nações Unidas. Dezoito milhões de pessoas podem ser afetadas por esta inundação.
Se a costa de Bangladesh desaparecer, o mesmo acontecera com grande parte da floresta de Sundarbans. Este ecossistema manguezal fornece o habitat para os tigres de Bengala, crocodilos agressivos e suas presas, incluindo veados chital e macacos rhesus. A região atrai turistas que contribuem para a economia de Bangladesh.
Maldivas
Enquanto a Holanda e Bangladesh podem encarar o desastre, as Maldivas parecem estar condenadas a cumprir o destino de Atlântida. O ponto mais alto das Maldivas está a 2,4 metros acima do oceano. A média é de apenas cerca 1,5 metros.
O turismo é uma enorme parte da economia das Maldivas. Receitas do turismo podem ajudar a nação a reassentar seus cidadãos conforme o oceano engole o país. Em 2008, o governo das Maldivas começou a desviar uma parte das receitas de turismo para comprar terras onde 300 mil residentes podem residir após sua terra natal desaparecer.
Nesta foto de 2009, o ministro Ibrahim Didi assina uma declaração exortando os países a reduzir as emissões de dióxido de carbono. 
[Discovery News]

9 modos estranhos que seu cérebro usa te enganar

Nosso cérebro decide o modo como percebemos tudo o que nos rodeia. Ele informa as nossas decisões, guiando-nos cuidadosamente através da névoa que é o mundo que nos rodeia… exceto quando ele nos engana. Nossos cérebros são amigos inconstantes e adoram brincar conosco. Muitas vezes, o que achamos que é verdade é uma mera ilusão proporcionada pela nossa mente.
09. Saciação semântica
Alguma vez você já repetiu uma palavra várias vezes e descobriu que, depois de um tempo, ela começa a perder o significado? Se você já percebeu, você não precisa se preocupar – cientistas têm estudado este fenômeno e o chamaram de saciedade semântica. Estudos descobriram que, conforme você repete uma palavra, o cérebro torna-se saciado e você começa a ficar confuso sobre o real significado da palavra – ela soa apenas como um monte de sílabas desconexas.
08. Vermes de ouvido
Sabe quando você ouve algo incrivelmente terrível (como uma música que você detesta) e isso fica preso na sua cabeça por dias a fio? Bem, agora você tem um nome para esse fenômeno horrível, que os cientistas chamam de “vermes de ouvido”.
A explicação que alguns cientistas dão basicamente envolve o cérebro ficando preso em um laço de repetição. Você provavelmente se lembra de um verso de qualquer música que não sai de sua cabeça quase perfeitamente, mas não sabe o resto da música. Depois de cantar o primeiro verso, o seu cérebro tenta passar para o próximo, mas não sabe o restante da música. Como o seu cérebro gosta de voltar aos pensamentos inacabados, ele fica preso em um laço de repetição, continuamente tentando recomeçar e terminar a canção.
Após uma série de estudos, pesquisadores chegaram a conclusão que uma das maneiras de quebrar esse irritante feitiço é se concentrando em alguma atividade cognitiva que não seja muito fácil nem difícil – algo como resolver anagramas.
07. Perplexidade moral
A maioria de nós tem opiniões determinadas sobre questões como o canibalismo e o incesto, considerando que essas são práticas moralmente erradas. No entanto, os pesquisadores descobriram que, quando perguntados sobre estas questões, o cérebro da maioria das pessoas é incapaz de chegar a uma resposta apropriada, embora os comportamentos em questão sejam considerados tabu pela maioria das sociedades modernas. Este fenômeno é chamado de perplexidade moral.
Um dos cenários descritos durante um estudo é alguém que trabalha com um corpo que estava sendo levado para ser cremado, e dele foi tomado um pequeno pedaço de carne por uma pessoa. Ela fez questão de cozinhá-lo completamente para remover todas as doenças. Em outro cenário, dois irmãos estavam de férias e fizeram sexo – com proteção.
Os participantes foram questionados se o que essas pessoas fizeram foi errado, e então, os pesquisadores pediram para explicar o porquê. Eles descobriram que as pessoas consideravam esses comportamentos moralmente errados, mas tiveram grandes dificuldade de verbalizar o seu raciocínio. Pesquisas ainda não explicaram por que isso acontece. Pode ser que os tabus da sociedade estão simplesmente enraizados em nossa consciência tão profundamente que sentimos uma poderosa unidade moral contra eles, mesmo que não sejamos capazes explicar logicamente o porquê.
06. O efeito GPS
Você confia no seu GPS para ir em qualquer lugar? Você até o usa para ir em lugares familiares? Se assim for, talvez você irá querer usá-lo menos. Acontece que o uso de GPS é uma maneira fácil de nos acalmar a uma falsa sensação de segurança e perder o senso de direção. O uso excessivo do GPS, na verdade, faz com que seja mais difícil para nós criarmos mapas espaciais. Pior ainda, alguns pesquisadores acreditam que, se não usarmos as nossas capacidades espaciais regularmente, corremos um maior risco de ter demência precoce. Os pesquisadores sugerem que usemos o GPS apenas quando realmente não soubermos o caminho.
Em uma nota mais positiva, verifica-se que usar constantemente nossas habilidades espaciais faz com que nossos cérebros fiquem mais fortes. Taxistas de Londres têm que passar por um processo extremamente rigoroso para saber suas rotas, que só cobrem um raio de 9,5 km, mas incluem 25 mil ruas com 320 rotas separadas e cerca de 20.000 pontos de interesse diferentes. Pesquisadores que estudam os taxistas de Londres descobriram que não só os veteranos, mas também aqueles que tiveram apenas um treinamento, tiveram um aumento em sua massa cinzenta.
05. Privação sensorial
Você provavelmente não vai enfrentar muitas situações onde você está temporariamente ausente de estímulos sensoriais. No entanto, se isso acontecer e você começar a ver coisas que não fazem sentido ou ouvir barulhos estranhos, não fique muito alarmado – é apenas mais um exemplo de uma peça pregada pelo seu cérebro. Pesquisadores colocaram cobaias em uma chamada uma sala anecóica, uma câmara destinada a bloquear qualquer ruído ou luz externa. O objetivo deste experimento em particular era ver se as pessoas tinham alucinações quando estavam desprovidas de estímulos sensoriais.
As pessoas relataram ver formas e rostos, e algumas até tiveram alucinações olfativas. Ainda mais estranho, alguns pensavam que algo de ruim estava na sala com eles e que algo “importante” estava acontecendo do lado de fora enquanto eles estavam ali. Segundo os pesquisadores, a explicação é que o nosso cérebro fica confuso quando é desprovido de estímulos sensoriais, por isso cria alguns para preencher o vazio. O resultado é que não podemos dizer o que é real e o que é apenas fruto de nossa imaginação.
04. Dor solidária
Alguma vez você já fez uma careta de dor quando viu alguém bater o dedinho do pé na porta? Ou apenas ouviu uma história de alguém se machucando e teve a mesma experiência? Isso é a chamada dor solidária.
Segundo análises de ressonância magnética, o cérebro exibe a mesma atividade para as duas pessoas (a que se machucou e a que viu a outra se machucar). A parte do cérebro responsável por isso é a chamada “área de espelho”, e os cientistas acreditam que nós temos algo chamado de “neurônios-espelho”, que são responsáveis pela criação de uma resposta solidária.
03. Memórias falsas
A maioria de nós está muito certo quanto às nossas lembranças, e porque não deveríamos estar? Em um mundo estranho e em constante mudança, que muitas vezes não faz sentido, nossas experiências podem ser uma das poucas coisas que nos prendem a realidade. No entanto, cientistas realizaram experimentos sobre a memória e descobriram que é incrivelmente fácil plantar falsas memórias no cérebro. Segundo um pesquisador, a razão pela qual somos tão facilmente enganados é porque nossas mentes tentam registrar tudo ao nosso redor, mas evidentemente não conseguem, o que leva a falhas na memória. Para lidar com isso, as nossas mentes plantam automaticamente quaisquer falsas memórias que parecem fazer sentido com base no nosso conhecimento e experiência.
Mas fica ainda pior. Em um experimento, os pesquisadores convenceram uma mulher que ela havia se perdido em um shopping quando era criança. Não só ela acreditou neles, mas também começou a dar mais detalhes sobre uma velha mulher que a tinha ajudado a encontrar seus pais. Os pesquisadores foram capazes de convencê-la tão bem que, quando lhe disseram que era a memória era falsa e que tudo tinha sido uma experiência, ela não acreditou neles. Seus pais tiveram que ser chamados para confirmar que ela não tinha se perdido no shopping.
02. Embriaguez de sono
A maioria das pessoas provavelmente sabe que, se você ficar um longo tempo sem dormir, os resultados podem ser bastante semelhantes à embriaguez. No entanto, o que você talvez não saiba é que o excesso de sono pode ter um efeito semelhante. Alguma vez você já dormiu mais do que de costume e acordou se sentindo tonto?
Quando você dorme por muito tempo, o seu cérebro pode ficar confuso e fica em um estado entre o sono e a vigília.
01. Hipnagogia
A maioria das pessoas pensa que apenas aqueles sob a influência de drogas tendem a ter alucinações, mas nada poderia estar mais longe da verdade. Alucinações hipnagógicas ocorrem quando você está dormindo, enquanto alucinações hipnopômpicas ocorrem quando você está acordando. Ambas as formas de alucinação podem ser acústicas ou visuais. Elas são diferentes dos sonhos – uma pesquisa mostrou que o cérebro pode formar alucinações quando você ainda está parcialmente consciente. 
[ListVerse]

Festa de professores em Caçapava tem gogo boys e mulheres em gaiolas

Gogo boys e garotas em gaiolas foram atrações de uma tradicional festa em homenagem ao Dia dos Professores em Caçapava(SP) na última sexta-feira (18). As imagens da festa ganharam repercussão nas redes sociais e viraram alvo de questionamento da Câmara.
O baile contou com a presença de 300 pessoas, entre elas o prefeito Henrique Rinco (PSDB), e o vice-prefeito que acumula também a Secretaria de Saúde, Jairo Junqueira (PTB), e o secretário de Educação, Sidnei Sanita (PTB). Dias após a festa, fotos dos dançarinos servindo bebida aos professores começaram a circular nas redes sociais e são alvos de críticas dos moradores.
A festa ocorreu no dia 18 de outubro em um clube que fica no Jardim Caçapava e terminou por volta das 3h. Segundo Rinco, os professores receberam convites e puderam levar acompanhantes que pagaram R$ 60 no convite. Além do show dos dançarinos, a festa contou com um coquetel servido por um buffet e a apresentação de uma banda.
'Fiquei pouquinho'
Festa de professores em Caçapava tem gogo boys e mulheres em gaiolas (Foto: Reprodução/ Facebook)
O prefeito Henrique Rinco afirmou que ficou cerca de uma hora na festa e que foi surpreendido com as imagens. "Fiquei um pouquinho e fui embora. No momento em que estive lá foi tudo normal. Dei a fala, estourei um champanhe que me pediram, fiquei um pouco e me retirei. De qualquer forma, vou apurar o que aconteceu porque não gostei da exposição das fotos", disse.
Segundo Rinco, o baile não foi custeado com verba pública. Apesar disso, não informou se foi organizado ou não pela Secretaria de Educação. "Foi uma festa dos professores, sem gasto da prefeitura. Fui convidado por eles, para participar em local privado. Não há R$ 1 de dinheiro público envolvido", afirmou o prefeito.
Já o secretário de Educação, Sidnei Sanita, não quis comentar o assunto por telefone com a reportagem do G1, mas informou por meio de uma rede social que "a festa dos professores foi realizada somente com o patrocínio de grandes parceiros, fornecedores da prefeitura que colaboram sem medir esforços para esta grande homenagem".
Festa de professores em Caçapava tem gogo boys e mulheres em gaiolas (Foto: Reprodução/ Facebook)
Oposição
O presidente da Câmara de Caçapava, Paulo Landredi (PRD), que faz oposição ao atual governo, afirmou que vai cobrar explicações da prefeitura.
"Entrei com requerimento solicitando resposta para saber se houve dinheiro público ou não. Além disso, estou preocupado com quem organizou a festa, pois uma festa com meninas seminuas para professores é brincadeira. Não é um baile para professores", disse.
Ainda segundo Lanfredi, o prefeito Henrique Rinco deve ser convocado nos próximos dias para falar sobre o caso na Câmara.

24 outubro 2013

As cartas que eu não mandei

Acordei cedo e fiquei vendo a chuva molhar o vidro da janela. Não sei se o céu sabia que hoje pra mim era um dia triste e então resolveu me fazer companhia chorando comigo. Coloquei a nossa música para tocar. Fiz mal? É que eu precisava desabar. Desabafar. Sabe, desde a ultima vez que nos vimos eu ainda não troquei as flores do vaso que você me deu. Estão murchas e escurecendo, mas pra mim continuam sendo as mais lindas. Acho que eu nunca vi no mundo dois loucos ao ponto de nomear girassóis como as flores mais bonitas. Elas me fazem lembrar o sol, que me lembra o dia, que me lembra alegria e que automaticamente me vem o teu sorriso em mente. Fico me perguntando se você lembra de mim. Mesmo que seja só um pouquinho antes de dormir. Paro por horas pensando se você já encontrou um outro motivo para caminhar pelas ruas ou até mesmo alguém para te alegrar nos momentos difíceis. Fico imaginando se você está bem. Porque, meu bem… Eu não estou me dando tão bem assim sem você aqui.
— As cartas que eu não mandei.

Japoneses tinham escravas sexuais durante a Segunda Guerra Mundial

Confort women, ou mulheres consolo. Esse era o nome dado às mulheres que os japoneses tentaram apagar de sua História, mas que ficaram conhecidas ao redor do mundo em 1991, quando a coreana Kin Hak-Soon, já com 63 anos, veio a público e fez uma denúncia. Segundo a coreana,durante o conflito do qual saiu destruído por duas bombas atômicas, o Japão obrigou mulheres coreanas, filipinas e chinesas a prestarem serviços sexuais aos seus soldados.
Mulheres da Coreia do Sul, em 2001, em protesto contra a escravidão sexual durante a Segunda Guerra Mundial
Segundo denúncias de Kin e investigações posteriores, os soldados japoneses instalaram bordéis militares nos países que dominavam. De acordo com os relatos, as mulheres eram sequestradas de suas casas e ficavam presas nesses lugares, onde deveriam servir aos soldados japoneses de todas as forças armadas.
Ninguém nunca havia admitido publicamente o problema, até 1991. Um informe confirmou a versão de Kin Hak-Soon e mostrou que a escravidão era tão organizada que as mulheres tinham horários determinados para servir cada grupo de soldados – e até o tempo que cada militar podia ficar com ela era definido. E variava de acordo com a patente. Um soldado, por exemplo, poderia permanecer 20 minutos com uma escrava, enquanto um oficial tinha permissão de passar até 40 minutos.
Diante da confirmação, foi criado um conselho coreano para mulheres recrutadas por japoneses para o serviço sexual. O conselho exigiu do governo a admissão da existência das escravas sexuais, um pedido público de desculpas e uma pensão às vítimas e familiares envolvidos.
Fontes: BBC e Independent

Noiva erra de quarto e faz sexo com padrinho após casamento na China

Uma noiva chinesa se confundiu e fez sexo com um dos padrinhos na manhã seguinte após seu casamento na comarca de Napo, em Guangxi. A mulher disse que só percebeu que o homem na cama não era seu marido após o fim do ato sexual.
Segundo a imprensa chinesa, a noiva estava na cama com o marido, mas levantou para ir ao banheiro. Na saída, desnorteada, a mulher errou de quarto e acabou deitando na cama em que estava o padrinho. O homem começou a cariciá-la, e os dois fizeram sexo.
Ao descobrir que havia mantido relações sexuais com o padrinho, a noiva se desesperou e acusou o homem de abuso. Ela e seu marido pediram uma indenização 20 mil iunes (R$ 7,16 mil), mas o padrinho se negou a pagar a quantia.
Sem acordo, o casal chegou a entrar com uma ação contra o padrinho, mas a Justiça considerou que ele não teve nenhuma culpa, pois foi a mulher quem errou de quarto e manteve sexo consensual, sem perceber que o homem não era seu marido.
O incidente ocorreu no dia 30 de agosto, mas foi divulgado neste mês pela imprensa chinesa.

22 outubro 2013

É sempre a mesma coisa

Agora a gente discute o relacionamento que nunca tivemos coragem de ter. Ela diz que sou um cara bacana mas faço questão de parecer babaca, eu digo que ela sabe que é gostosa e especial, por isso trata os outros feito lixo. Ela argumenta sobre algo, que se eu bem entendi, tenho um pênis no lugar do nariz. Digo que se não tivesse chegado a tempo, ela estaria na fila do banheiro levando uns amassos daquele sujeito só pra se sentir sexy amanhã. Ela não vai cair na minha. Eu não estou tão desesperado assim. E sempre há o ato final, sem aplausos, com a pequena plateia farta de nossas más atuações. Vão me dizer “ei, cara, se decide, ou caga ou desocupa a moita, tem mais gente interessada, não vê que assim trata a menina mal?”, e vão aconselhá-la “depois não adianta chorar uma semana inteira e me ligar achando que posso dormir uma noite lá e consolar você”. É sempre a mesma coisa, mas é que, sei lá, as coisas parecem menos complicadas enquanto a gente se beija…
— Gabito Nunes

Peixe 'estranho' aparece em praia de Santos, SP, e atrai curiosos

Um peixe de aparência estranha foi encontrado nesta segunda-feira (21) na areia da praia de Santos, no litoral de São Paulo. O espécime, identificado como um peixe-morcego, foi fotografado por um banhista e atraiu a atenção de curiosos que passavam pelo local. Além desse exemplar, milhares de outros peixes apareceram mortos após o incêndio de grandes proporções que atingiu seis terminais de açúcar do cais santista na última sexta-feira (18), mas a relação do acidente com a mortandade de espécies marinhas ainda não foi comprovada.
O peixe-morcego, que tem como nome científico Ogcocephalus vespertilio, da família Ogcocephalida, estava na praia do bairro Aparecida. Segundo a bióloga Carolina Pacheco Bertozzi, professora de Oceanografia do Centro Universitário Monte Serrat (Unimonte) e diretora do Projeto Biopesca, o incêndio pode não ter sido o único responsável pelo aparecimento do peixe. "A espécie é relativamente comum na Baixada Santista, sendo capturada como fauna acessória na pesca de arrasto. Por não possuir importância econômica, os exemplares de peixes-morcegos capturados são devolvidos ao mar, muitas vezes já mortos, o que pode ter ocasionado o aparecimento deste exemplar na praia", explica.
Segundo a bióloga, a espécie, que pode chegar a 30,5 centímetros de comprimento, é encontrada do Norte do Brasil até a foz do Rio da Prata, na Argentina. "O peixe-morcego é um predador noturno, que se alimenta no fundo do mar de pequenos invertebrados, como camarões, pequenos caranguejos, siris, vermes poliquetas e outros. Durante o dia, permanece escondido entre as rochas, saindo à noite em busca de suas presas, 'andando' sobre as suas nadadeiras pares (peitorais e pélvicas) modificadas", descreve.
A relação da mortandade de peixes com o incêndio no Porto de Santos ainda não está comprovada. A Companhia Ambiental do Estado de São Paulo (Cetesb) fez coletas da água do mar e de alguns peixes em quatro pontos do estuário, a previsão é que em uma semana saia o laudo que indicará o que realmente aconteceu. A Copersucar, proprietária dos seis terminais atingidos pelo incêndio, informou, por meio de nota, que já entrou em contato com a Cetesb para avaliar a situação.
Peixe-morcego é encontrado em praia de Santos, SP (Foto: Rubens Carvalho/Arquivo Pessoal)
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...