28 novembro 2015

Cientista-chefe da Coca-Cola deixa cargo após denúncias de 'manipulação' científica

A diretora do setor de ciência e saúde da Coca-Cola, Rhonda Applebaum, deixou o cargo nesta terça-feira (24), após acusações de que a empresa estaria influenciando pesquisas e campanhas antiobesidade de uma ONG americana.
A Coca-Cola, maior companhia do setor de bebidas do globo, anunciou que Rhonda "decidiu se aposentar" e a transição do cargo "está em andamento".
Rhonda e a Coca-Cola estão no centro de uma grande discussão levantada nos Estados Unidos sobre a relação da empresa com a Global Energy Balance Network (GEBN), organização financiada pela companhia.
No início de agosto, um artigo publicado no jornal The New York Times afirmou que a Coca-Cola estaria usando os recursos doados para orientar as pesquisas e mensagens veiculadas pela ONG de que bebidas açucaradas (como os refrigerantes) teriam papel menor no aumento das taxas de obesidade que a falta de exercícios físicos.
A GEBN é formada por um time de médicos e cientistas com a missão de encontrar soluções inovadoras para prevenir e reduzir a obesidade com base na ciência do balanço calórico (o equilíbrio ideal entre o número de calorias ingeridas e queimadas pelo organismo).
De acordo com o artigo, o financiamento de estudos que dariam destaque para a importância da maior quantidade de exercícios físicos no combate da obesidade em detrimento do total de açúcar da dieta seria uma estratégia corporativa para combater o declínio nas vendas dos refrigerantes em todo o mundo.
Em comunicados, a empresa e a ONG afirmaram que a Coca-Cola não tem qualquer influência sobre estudos e campanhas da GEBN.
Em setembro, a companhia publicou em seu site uma lista de todas as organizações que recebem fundos da Coca-Cola e o montante destinado a cada uma, reafirmando seu compromisso com a transparência.
Em 2014, a GEBN recebeu 1,5 milhão de dólares (cerca de 5,6 milhões de reais) da companhia.
Nesta terça-feira, contudo, a agência Associated Press divulgou trechos de e-mails trocados entre Rhonda Applebaum e cientistas da ONG, em que a chefe do setor de ciência e saúde da Coca-Cola ajuda a direcionar as pesquisas da Global Energy Balance Network.
No fim do dia, Muhtar Kent, um dos executivos da Coca-Cola, afirmou em comunicado que o papel da companhia em pesquisas científicas era baseado no "desejo de identificar uma abordagem mais holística e prática, baseada nas melhores evidências".
Kent também disse que ficou claro que "não havia um nível suficiente de transparência sobre o envolvimento da companhia com a Global Energy Balance Network. Claramente temos mais trabalho a fazer para refletir os valores desta ótima companhia em tudo o que fazemos."
A confirmação da aposentadoria de Rhonda foi divulgada no mesmo dia e a Coca-Cola afirmou que a decisão foi tomada em outubro.
A chefe do departamento de ciência e saúde é especialista em microbiologia e segurança alimentar e entrou na Coca-Cola em 2004.
Fez parte do grupo de consultores do Food and Drug Administration (FDA), órgão americano que regula alimentos e medicamentos.
COKE
Fonte: http://www.brasilpost.com.br

8 coisas que todo mundo faz de baixo do chuveiro e não admite

Tem pessoas que gostam e tem outras que tomam por obrigação. O banho é algo que faz parte do cotidiano da maioria dos seres humanos. Os brasileiros tem um apego especial por esse ritual diário (ou semanal, dependendo do caso). Você não quer fazer nada, só ficar embaixo da água com pensamentos profundos.
Para muitos, o chuveiro é como um refúgio e o único lugar em que você pode realmente ter um pouco de paz e tranquilidade, por alguns minutos, pelo menos. Sua vida muda quando você chegar a uma certa idade e pensa sobre maneiras de melhorar a sua vida em casa.
Seu banheiro pode ser como um santuário e você provavelmente faz mais coisas neste cômodo do que você pensa. Você pensa sobre todas as suas decisões de vida neste cômodo. Quando você está no chuveiro, seu cérebro vai a loucura com a crise existencial que você nem acha que tem.
Confira a seguir coisas que todo mundo faz no chuveiro:

Urinar
É praticamente impossível conhecer uma pessoa que nunca urinou enquanto tomava banho. Às vezes o vaso sanitário parece muito longe quando se está em um longo e relaxante banho. Não há ninguém ao redor e as provas serão rapidamente destruídas, então por que não economizar mais água ao fazer xixi no chuveiro? Se você é um ecologista ou você é apenas preguiçoso, todos podem concordar que às vezes é difícil sair do chuveiro para usar o vaso para urinar.

Fazer performances
Se você está sempre ocupado, ter um chuveiro é provavelmente a única vez que você está sempre sozinho e pode se divertir com seus desejos mais profundos. Não pense besteira, estamos falando de você cantando e dançando como se fosse um artista internacional. O chuveiro traz para fora sua diva interior e enquanto você escuta o som da água escorrer, sua alma musical surge e toma conta do cômodo.

Ter um “momento Psicose”
Um de seus maiores medos é, provavelmente, estar vulnerável enquanto está no chuveiro. Não há literalmente nada que você possa fazer enquanto está molhado e escorregadi, e você não pode levar algo para se proteger toda vez que você estiver tomando banho. Ninguém foi capaz de ter um banho confortavelmente desde que Psicose foi lançado (graças a Hitchcock) e sempre que você olhar para a porta, você está convencido de que não há a sombra de um homem que está por trás dele. Sua imaginação é uma amante cruel.

Tomar um banho sexy igual aos banhos da TV
Não importa o quão duro você tente, seu tempo no banho nunca será tão sexy como aparece nas propagandas na TV. Nunca é tão eufórico, você nunca está com aquela espuma uniforme em seu corpo e os movimentos sensuais nem chegam perto dos exibidos em propagandas. Mas isso não quer dizer que nós não tentamos, não é?

Se livrar da ressaca
O chuveiro é o santuário dos bêbados de plantão e é lá que a pessoa que se entupiu de álcool se sente humano novamente. O chuveiro é um dos lugares onde você vai tentar reconstituir a noite anterior, descobrir quantas bebidas que você bebeu, por que você pensou em beijar aquela pessoa estranha na balada para fazer para o ex, e se isso realmente funcionou .

Sexo
Nunca é como nos filmes, não é? Por que os atores de Hollywood fazem parecer tão fácil e sexy? Bem, a única resposta para isso é que, eles não estão fazendo sexo. É tão difícil não cair enquanto se tenta aventurar debaixo do chuveiro. O ideal seria usar o chuveiro para preliminares e usar o quarto para o resto, se você não quer se decepcionar.

Se admirar
Autoestima é tudo na vida de uma pessoa. Você pode acabar durante muitos minutos se admirando enquanto está todo molhado. Isso não faz de você tão vaidoso quanto Dorian Gray, mas você vai gostar de de se admirar nesses momentos de intimidade.

Fofocar
Quando você convive com pessoas que gosta, vocês se seguem em todos os lugares, incluindo o banheiro. Se você precisa ir ao banheiro, isso não vai ser impedimento para botar a conversa em dia.
Fonte: http://www.fatosdesconhecidos.com.br, Whatculture, Shutterstock

Bebê que aparecia nas propagandas de “pureza ariana” nazistas era, na verdade, judeu

A famosa ideologia alemã, promovida pelo ditador Adolf Hitler ficou conhecida no mundo todo, após todos nós descobrirmos as atrocidades que eram cometidas contra os judeus. Porém, o preconceito contra a etnia judaica já reinava bem antes de Hitler assumir o poder.
No final do século XIX, os judeus já eram vistos como motivo do declínio das finanças no mundo e eram acusados de terem entregue Jesus Cristo aos romanos. Na Alemanha, a perseguição ganhou força por causa de teorias biológicas racistas. Os judeus eram denominados como uma “raça deformada”, uma ameaça à “raça ariana” – descendentes dos árias, uma das etnias que formaram as populações europeias.
Com isso, para convencer os alemães da importância da pureza de sua raça, os nazistas providenciavam até panfletos e campanhas para promover a ideologia da “pureza ariana”. Em uma dessas campanhas, em 1935, houve um concurso para escolher o bebê que fosse a representação perfeita de um ariano alemão ideal. Depois que o Departamento de Propaganda Nazista analisou a foto de 100 bebês diferentes, foi escolhida para ser capa da revista a pequena Hessy Taft, que tinha 6 meses de idade na época da fotografia.
hessy02_2960553b
Uma das ironias da história é a foto de Hessy ter ido parar nas mãos do Departamento de Propaganda Nazista, pois a mãe da criança, Pauline Levinson, não levou a pequena para participar do concurso, e sim à um fotógrafo (Hans Ballin), que não tinha nada a ver com o assunto, para uma foto de família, a fim de guardar a imagem da filha de recordação, seis meses antes do ocorrido. Sem o consentimento da mãe ou qualquer um da família o fotógrafo mandou o retrato de Hessy para o concurso, como uma das participantes, e para a surpresa de todos, a garota foi escolhida como a representação perfeita do que eles queriam passar.
O que todos não sabiam é que Hessy era, na verdade, judia. Seus pais, nascidos na Letônia, haviam partido para a Alemanha em 1928 com a intenção de trabalharem como cantores de ópera e ficaram surpresos quando viram a imagem da filha nas capas de revistas nazistas. Não demorou muito para que a origem da garota fosse descoberta e a família começasse a ser caçada, o contrato de seu pai foi cancelado imediatamente assim que suas origens judias foram descobertas.
Após fugir da Alemanha para Paris em 1938, a família se escondeu dos nazistas no norte da França, em 1941, emigrando para Espanha e Portugal até conseguir embarcar em um navio para Cuba. Em 1949, os Levinson se estabeleceram nos Estados Unidos, onde Hessy se formou em química na Universidade de Columbia e se casou, em 1959, com Earl Taft. O casal tem dois filhos e quatro netos. Ela ainda leciona química na Universidade de St. John’s. Apesar de sua família mais próxima ter sobrevivido ao holocausto, a maioria de seus parentes foram mortos pelos nazistas.
“Eu dou risada disso hoje, mas se na época os nazistas tivessem me descoberto, eu não estaria viva”, contou Hessy, que hoje está com 80 anos. Quando perguntada o que diria para o fotógrafo hoje, Hessy respondeu: “Eu diria: ‘Que bom que você teve coragem'”.
Fonte: http://www.fatosdesconhecidos.com.br e BBC

Chris Hemsworth posta foto muito magro e divulga 'No coração do mar'

O ator australiano Chris Hemsworth, conhecido pelo papel de Thor nos cinemas, divulgou neste domingo (22) uma foto em que exibe um físico bastante diferente daquele que o consagrou. "Acabo de tentar uma nova dieta/programa de treinamento chamado 'Perdido em alto mar'. Eu não recomendaria... #NoCoraçãodoMar", escreveu ele em seu perfil no Instagram.
O ator australiano em 'Thor' (2011), à esquerda, e em imagem postada por ele no Instagram neste domingo (22), para divulgação 'No coração do mar' (Foto: Divulgação e Reprodução/Instagram/chrishemsworth)
Assista, abaixo, ao trailer de 'No coração do mar'.
Na hashtag, Hemsworth cita o filme 'No coração do mar", do qual ele é protagonista e que tem previsão de estrear em 3 de dezembro no Brasil. O diretor é Ron Howard, vencedor do Oscar por "Uma mente brilhante".
O roteiro de "No coração do mar" baseia-se no livro homônimo escrito pelo historiador Nathaniel Philbrick. A obra conta a dramática jornada do barco Essex, que foi atacado por uma baleia com sentido de vingança quase humano. O desastre marítimo ocorreu na vida real e inspirou Herman Melville a escrever o clássico "Moby Dick".

Tragédia em alto mar
À medida que a tripulação sobrevivente do Essex acabou levada aos seus limites, ela foi forçada a fazer o impensável para permanecer viva. Enfrentando tempestades, fome, pânico e desespero, os homens foram levados a questionar suas crenças mais profundas.
Em "No coração do mar", Chris Hemsworth interpreta o veterano marinheiro Owen Chase. O elenco tem ainda Benjamin Walker (“Abraham Lincoln: Caçador de vampiros”) como George Pollard, o inexperiente capitão; Cillian Murphy (“Batman: O cavaleiro das trevas ressurge”) como Matthew Joy, o segundo oficial; e Ben Whishaw (“007: Operação Skyfall”) como o escritor Herman Melville, cujas investigações sobre o evento 30 anos mais tarde ajudaram a trazer a história à tona.
Fonte: http://g1.globo.com

Casal Mega Filmes era conhecido por carro 'tunado' e ostentação na internet

O casal dono do site Mega Filmes HD, Marcos Cardoso e Thalita Cardoso, é conhecido em Cerquilho (SP) pelo carro "tunado", um Volkswagen Jetta, e por ostentar a paixão pelos veículos em redes sociais. O dono de uma loja automotiva que não quer se identificar contou ao G1 nesta terça-feira (24) que bastava ouvir o ronco do motor para reconhecer o motorista. A estimativa é de que o casal recebia R$ 70 mil por mês com as 60 milhões de visualizações do site, diz a Polícia Federal em Sorocaba (SP). A dupla comemorou em rede social a compra de um BMW, conforme antecipou o blog do Matheus Leitão no G1.
Casal foi detido pela PF de Sorocaba
em Cerquilho (Foto: Reprodução TV TEM)
“Como a mecânica também foi ‘tunada’, só de ouvirem o som do carro diziam: ‘Olha o Japa passando aí. Conheço eles há uns quatro anos e, como gostam muito de carro, eu até fiz alguns serviços. Foram sempre bem educados, gente boa, tanto ele quanto a esposa. Fiquei surpreso quando foram presos, porque não imaginava, pensei que tinha dinheiro pelo tempo que trabalhou no Japão. Não fico bisbilhotando a vidas dos outros, por isso nem sabia. Mas perto do que roubam neste país, o caso deles é fichinha’, comenta o comerciante.
A prisão dos envolvidos foi feita pela PF na manhã de 18 de novembro durante operação denominada "Barba Negra". A ação visava desarticular organizações que praticavam crimes contra direitos autorais pela internet. Outros envolvidos de Campinas (SP) e Ipatinga (MG) também foram presos. O casal continua preso na Polícia Federal em São Paulo, segundo o advogado. A defesa teve dois recursos para a soltura negados, mas ainda aguarda o resultado de uma terceira tentativa realizada nesta segunda-feira (23).
Marcos também preparava um Fiat 147, apelidado
de 'Cereja' (Foto: Reprodução/ Facebook)
Pelo Facebook, os suspeitos postavam fotos de encontros automotivos que participaram e também “ostentam” chamando o veículo de “Jettão”. Na rede social, Marcos ainda mostra ser fã de carros postando, em 12 de novembro, fotos de uma manutenção de outro veículo, um Fiat 147. “Breve a Cereja vai queimar pneu. Vem ne mim 147 (sic.)”, disse Marcos na publicação. Este foi o último post dele, seis dias antes de ser preso.
Um publicitário, que prefere não se identificar, confirma a “fama do Jetão” em Cerquilho, cidade com 44 mil habitantes, segundo o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). “Eu mesmo só conheço o Marcos pelo carro, já que sou fã de automobilismo. É que o Jetta se destaca, é todo azul, com ‘rodão’, ‘tunado’. A cidade é pequena, então, não é comum ter um carro desse porte aqui. Só o que nunca imaginei é que o proprietário seria dono de um dos maiores sites de pirataria do Brasil”, aponta.

Entenda o caso
O site, controlado pela dupla e os outros suspeitos, oferecia um acervo com cerca de 150 mil filmes, documentários, séries de TV e shows. No portal, conforme a PF, os envolvidos faziam transmissão de programas antes mesmo das estreias oficiais. Milhares de internautas se manifestaram em redes sociais contra o fechamento do site de pirataria Mega Filmes HD, após operação da Polícia Federal.
Um levantamento da polícia apontou que a página chegou a receber 60 milhões de visitas por mês no primeiro semestre de 2015. Deste número, 85% eram de brasileiros e 15% de países como Portugal e Japão. Em apenas uma rede social, o portal tinha mais de 4,5 milhões de seguidores. A renda obtida pelos suspeitos, estimada em R$ 70 mil, vinha por cobrança de publicidade exibida no site.
O advogado disse que o casal admitiu que fazia o mesmo negócio no Japão, onde morou por nove anos, e que não sabia que o caso era tão grave. A dupla responde pelos crimes de violação de direito autoral (pirataria) e associação criminosa.
Participação em encontros automotivos também era destacada no perfil (Foto: Reprodução/ Facebook)
Veículo é mostrado em diversas fotos no perfil da suspeita (Foto: Reprodução/ Facebook)
Fonte: http://g1.globo.com

Americana que pesava 18 kg mostra recuperação pós-anorexia bancada com doações online

A americana Rachel Farrokh, de 37 anos, causou comoção na internet em abril passado ao publicar um vídeo em que pedia ajuda para não morrer.
Rachel conta que vários hospitais não a aceitaram por consideraram seu caso arriscado demais  (Foto: Arquivo Pessoal)
"Sofro de uma anorexia grave há mais de dez anos e, com meu peso atual, a maioria dos hospitais não me aceita", contava ela, com voz embargada, no apelo. "Mas há um (hospital) na outra costa do país que me aceitou".
Quando gravou o depoimento, em sua casa em San Clemente, no Estado da Califórnia, Rachel estava com apenas 18 quilos. O vídeo já foi assistido mais de 4,3 milhões de vezes.
"Nunca fui uma pessoa de pedir ajuda, mas preciso da sua, senão não terei uma chance. Estou pronta para melhorar."
A reação do público superou as expectativas. A meta era arrecadar US$ 100 mil (R$ 370 mil) para seu tratamento. Até hoje, as doações já somam mais de US$ 200 mil.
Com o dinheiro, ela conseguiu ser admitida primeiro em um hospital em San Diego, no mesmo Estado em que vive, e depois transferida para uma clínica em Portugal. Antes, havia sido rejeitada por diversos hospitais que consideravam seu caso "arriscado" demais.
Os tratamentos parecem ter funcionado. No fim do mês passado, Rachel participou de um evento em Washington D.C. para conscientizar sobre a gravidade dos distúrbios alimentares e apareceu em público com um aspecto bem mais saudável do que no vídeo que a tornou famosa.
"Eu tenho uma família enorme agora, e ela é o mundo inteiro", disse Rachel à emissora NBC4 sobre o apoio que recebeu nos últimos seis meses.
Após doações, Rachel foi admitida em clínica em Portugal (Foto: Arquivo Pessoal)

Recuperação
Rachel vem compartilhando sua experiência e as etapas de seu tratamento por meio da página "Rachel's Road to Recovery" (A Estrada de Rachel rumo à Recuperação, em inglês) no Facebook. Ela contou como a vontade de perder peso foi se tornando uma obsessão e como isso resultou na anorexia.
Na década em que conviveu com o distúrbio, passou por diversas clínicas, sem sucesso. "Eles estavam muito preocupados com meu corpo, e meu corpo não estava reagindo, porque eles (os médicos) não entendiam que meu cérebro precisava ser tratado também", afirmou ela à NBC4.
Ela resolveu pedir ajuda, porque seu marido, Rod Edmondson, havia abandonado seu emprego para cuidar dela 24 horas por dia.
Em sua página no Facebook, seu marido explica que um dos desafios era voltar a alimentá-la com regularidade, já que dar muitas calorias de uma só vez poderia acelerar demais seu metabolismo, o que levaria a uma perda de peso ainda mais intensa.
Segundo o médico de Rachel, ela está melhor, mas ainda tem 'longo caminho a percorrer' (Foto: Arquivo Pessoal)
 Rachel desenvolveu anorexia após tentar perder um pouco de peso  (Foto: Arquivo Pessoal)
Rachel desenvolveu anorexia após tentar perder um pouco de peso (Foto: Arquivo Pessoal)
Fonte: http://g1.globo.com

Menina de 8 anos luta contra raro tipo de câncer de mama nos EUA

O caso de uma menina de oito anos diagnosticada com um tipo raro de câncer de mama vem intrigando médicos e provocando uma campanha de solidariedade nos Estados Unidos.
A pouca idade de Chrissy Turner, que mora na cidade de Centerville, no Estado de Utah, já seria suficiente para fazer dela uma paciente incomum quando se trata de câncer de mama. Mas além disso, a forma da doença que ela desenvolveu, chamada de carcinoma secretor, é raramente encontrada mesmo em adultos.
Acredita-se que Chrissy seja uma das pacientes mais jovens no mundo a receber esse diagnóstico.
"O caso de Chrissy é muito, muito raro", disse à BBC Brasil seu médico, Brian Bucher, cirurgião pediatra do Primary Children's Hospital, no Estado de Utah.

Choque
Mesmo em adultos, o carcinoma secretor responde por menos de 0,15% dos cânceres de mama. Em crianças, é mais raro ainda.
"Quando se olha a literatura médica, você talvez encontre um ou dois casos (de crianças com essa doença) em um período de 20 ou 30 anos", afirma o médico.
Segundo Bucher, a paciente mais jovem já diagnosticada com a doença foi uma menina de três anos de idade.
O diagnóstico de Chrissy veio no mês passado, depois que a descoberta de um caroço no peito da menina levou a uma bateria de exames.
"Eu fiquei um pouco assustada ao descobrir o que era", disse Chrissy em entrevista ao canal de TV ABC.
"Foi um choque muito grande", desabafou sua mãe, Annette. "Nenhuma criança deveria ter de enfrentar um câncer."
Nas próximas semanas, a menina será submetida a uma mastectomia. "Vamos remover todo o tecido mamário remanescente", disse Bucher à BBC Brasil.
O médico afirma que o prognóstico é positivo.
"De acordo com relatos na literatura médica, a maioria das crianças com esse tipo de câncer se recuperou bem. É definitivamente curável", salienta.
 A campanha para ajudar Chryssie já arrecadou mais de US$ 50 mil  (Foto: Chrissy Alliance)
Fonte: http://g1.globo.com

Leopardo se assusta após carcaça de zebra 'estourar' em parque africano

Um leopardo se assustou após a carcaça de uma zebra "estourar" enquanto ele se alimentava da presa no Parque Nacional Kruger, na África do Sul. A cena fez sucesso no YouTube, com mais de 480 mil visualizações, ao ser publicada pelo parque.
Leopardo se assustou após carcaça de zebra 'estourar' (Foto: Reprodução/YouTube/Kruger Sightings)
Cena ocorreu no Parque Nacional Kruger, na África do Sul (Foto: Reprodução/YouTube/Kruger Sightings)
Fonte: http://g1.globo.com

25 novembro 2015

Homem morre em acidente entre Rondon e Indianópolis - Pr

O Sr. Nilton Puerta de Araújo, 47 anos, morreu em um acidente grave no final da manhã desta quarta feira (25), na rodovia PR-082, entre Indianópolis e Rondon.
Segundo  a polícia rodoviária o acidente aconteceu por volta das 11h40, próximo do bairro Santa Rosa, quase chegando em Rondon.
Araújo conduzia uma veículo Gol, com placas de Rondon, no sentido à Indianópolis, quando teria rodado na pista molhada, vindo a colidir de lado com um caminhão Volkswagen 13.180, com placas Presidente Prudente-SP, que trafegava no sentido contrário, em sua mão regular de direção.
Com a colisão, o motorista morreu na hora, tendo que ser retirado das ferragens com a ajuda do desencarcerador do corpo de Bombeiros.
Uma equipe do Samu, esteve no local, mas nada puderam fazer, já que a vítima não apresentava nenhum sinal vital. Segundo informações do irmão da vítima, ele tinha uma fábrica de carrinhos de animal e consertos de carrocerias de caminhão na cidade de Indianópolis, e fazia o trajeto Rondon a Indianópolis todos os dias. O parente disse também que, este é o segundo irmão que ele perde este ano em acidente nesta rodovia.
A polícia rodoviária, registrou a ocorrência para se apurar as causas do acidente.






Fonte: Repórter Oliveira Junior

20 novembro 2015

10 coisas que só existem no Japão e que precisamos desesperadamente

O Japão é uma região com uma cultura muito difundida e conhecida por vários cantos do mundo. Além da comida, os japoneses são famosos por sua disciplina e desenvoltura incrível com tecnologia.
O país é cercado por condições geográficas e naturais que desfavorecem seu crescimento e isso acabou sendo um fator determinante que tornou essa população uma comunidade criativa, eficiente e repleta de criadores.
E esse cantinho do mundo tem coisas que só eles mesmo para criarem ou produzirem. Nossa redação separou para você uma listinha com as coisas que só o Japão tem e que precisamos desesperadamente. Veja aí:

1 – Toalhas quentes para limpar as mãos depois das refeições
É a famosa toalhinha oshibori. No Brasil, quando as pessoas chegam em um restaurante para fazer uma refeição, apenas sentam à mesa e fazem o pedido. No Japão, os clientes recebem a toalhinha logo que chegam com o intuito de limpar as mãos. Nesses locais, eles possuem o hábito de limpar o pescoço, o rosto todo e a testa. O hábito é de manter mãos e toda a parte do rosto limpos.

2 – Chinelos de higiene
A higiene no Japão é rigorosa e muito levada a sério. Os japoneses são conhecidos por precauções sanitárias que nenhum outro país leva tão a rigor. Os habitantes de lá usam chinelos de higiene exclusivos para utilizar no banheiro e o chão da casa.
Os brasileiros do mesmo jeito que chegam em casa, é do mesmo jeito que vai ao banheiro. Não utilizam nenhum método de higiene como os japoneses fazem. Um bom processo que pode começar a ser copiado para o Brasil.

3 – Braile nas latinhas
Aqui no Brasil, as fábricas produzem as latinhas de suco, refrigerante, cerveja com tampões de proteção, abridores especiais e até modelos com tamanhos diferentes. Mas no Japão eles mostraram que foram muito além, visionários e que prezam pela inclusão social. As cervejas por lá vêm com esse código em braile para as pessoas com deficiência visual. Bacana, né?

4 – hotéis-cápsula
Os hotéis-cápsula são a prova de que eles realmente são pioneiros na criação e nas ideias inovadoras. Eles trabalham com os hotéis-cápsula, cubículos com cerca de um metro de altura por 1 metro de largura com alas que ficam lado a lado umas das outras e em cima também. São cerca de 1600 hotéis com esse tipo de empreendimento no país. Um bom projeto para ser trazido para o Brasil, não é mesmo.

5 – Limpadores de ouvido inovadores
Mais uma invenção japonessa que podia dominar o mundo todo. Você já quis dar uma olhada no que tem dentro do seu ouvido ou já precisou de ajuda para limpar essa parte do seu corpo? Os japoneses pensaram isso para você. Em momentos em que você estiver com cera de ouvido impregnada dentro do ouvido, este aparelho pode te ajudar. Outra coisa que o Brasil podia adotar.

6 – Plástico bolha portátil
Já pensou em ter a sensação de estourar o famoso plástico bolha bem acessível para você e a qualquer momento que você precisar? Os japoneses também pensaram nessa maravilha. Eles criaram um objeto semelhante que esvazia e enche constantemente e possui o mesmo efeito do plástico bolha.

7 – Bebidas quentes e frias vendidas em máquinas
Essas máquinas são febre lá no Japão. Existem cerca de mais de 5 milhões delas por lá. No Japão, elas possuem uma vasta opção de produtos à venda que vão desde ovos frescos a guarda-chuvas e roupas íntimas.

8 – Mc Donalds delivery
Delivery de Mc Donalds no Japão já é realidade e um serviço extremamente requisitado pela população japonesa. Enquanto aqui no Brasil você tem que se contentar apenas com as lojas físicas e os drive-trhus. Para ter acesso ao delivery, basta baixar o aplicativo e selecionar a refeição que deseja e o entregador estará chegando na sua casa ou trabalho. Vai ser pagamento no dinheiro ou no cartão?

9 – Assentos que se adaptam à direção que você desejar
De qual lado você prefere andar em um trem ou metrô? No Japão, é possível mudar a direção dos assentos nos trens para o lado que você preferir. Não gosta de ficar onde o sol bate, quando vai viajar? Já pensou se a ideia deste banco é trazida para outros países?

10 – Estacionamentos diferenciados
Os japoneses pensam em soluções até mesmo para os estacionamentos prediais e em lugares públicos. Enquanto aqui no Brasil as vagas para estacionar são escassas, complicadas e estreitas, no Japão, eles inventaram esse método diferente aí na imagem para agrupar mais carros. Lá, economia de espaço é a regra por conta da enorme quantidade de habitantes.
FONTE(S) list25, buzzfeed e http://www.fatosdesconhecidos.com.br
IMAGENS lovesjapan, list25, clubotaku, zingvn, forum, obvious mag.

8 partes do seu corpo que você não sabe o verdadeiro nome


O corpo é uma máquina fascinante, cheia de segredos ocultos e maravilhas. Com ele, nós nos divertimos, praticamos esportes, dormimos, trabalhamos e realizamos das mais simples às mais difíceis tarefas. Com os avanços que a humanidade tem alcançado com a ciência e medicina, estamos aprendendo cada vez mais sobre o corpo humano e o seu complexo sistema de funcionamento.
O ser humano é uma espécie muito exibicionista e narcisista. Quando o assunto se trata de corpo humano ,então, nem se fala. Existem algumas partes do corpo que ele prefere manter cobertas e já outras que são expostas sem nenhum pudor. Algumas culturas valorizam muito esse tipo de exposição. O Brasil, por exemplo, é um país conhecido como o paraíso das bundas e mulheres de corpo incrível. Já em outros territórios, as pessoas andam completamente vestidas, sem exibir o corpo, como é o caso das mulheres muçulmanas que usam burca.
E como o corpo é um patrimônio valorizado e estimado por muita gente, preparamos para você uma matéria com partes do corpo que você não conhecia o verdadeiro nome. Algumas delas nem sequer parecem “partes” em geral, enquanto outras são áreas de nossos corpos que a gente poderia ter assumido que simplesmente não possuem um nome.
Então, bora lá, divirta-se e conheça mais sobre o seu corpo (ou de outra pessoa!):

1 – Tragus
O tragus é um local muito comum para perfuração de piercing, a parte pontiaguda externa da orelha que se projeta para fora, na frente da abertura, para dentro do ouvido. Os pêlos que crescem na abertura da orelha também são chamados de tragus. Esta parte do corpo é responsável por captar ruídos atrás de você.

2 – Gnátio
O nome parece desconhecido, mas em termos leigos, a gnátio é o ponto mais baixo do queixo. Algumas podem ser mais pontiagudas, planas ou até arredondadas. Algumas pessoas são bem-dotadas com uma bela gnátio. Outros indivíduos têm a infelicidade de uma gnátio normal. Os homens optam por cobrir a sua gnátio com a barba, já outros usam ela bem lisinha. Há formatos de gnátio que possuem um furinho no meio do queixo, o que dá um charme a mais para quem a possui.

3 – Rasceta
São aquelas famosas linhas na parte de trás do seu pulso. Há realmente um nome para elas: rasceta. Ela é altamente sensível ao toque, e uma parte muito sensível do corpo.

4 – Glabela
Essa parte do corpo fica logo entre as sobrancelhas, acima do seu nariz e é região de muitas cirurgias plásticas. Ela é chamada de glabela. Este é um local popular para as famosas injeções de Botox para relaxar os músculos e prevenir as rugas, além de levantar as sobrancelhas para te deixar com uma aparência mais jovem.

5 – Purlicue
Você olha para ele sempre que vai dar um “joinha” para alguém. O nome é estranho e, provavelmente, você nem sabia o nome dessa parte do seu corpo. Esta é a área que fica entre o seu dedo indicador e o polegar.

6 – Covinhas de Vênus
Sim, aquelas famosas curvinhas nas suas costas possuem nome, e delicadinhos, por sinal. Essas depressões na parte inferior das costas são chamadas de “covinhas de Vênus.” As depressões são formadas simetricamente por um ligamento estirado na parte de trás que recebem o nome da deusa grega do amor e da sensualidade.
O que essas covinhas dizem sobre a sua personalidade? Bom, para as pessoas que acreditavam nos deuses mitológicos ter essas duas covinhas nas costas é sinal de que a pessoa é boa de cama. Sim, já pode ficar orgulhoso e contar para os seus amigos.

7 – fúrcula
A depressão formada por sua clavícula é um local sensual, em ambos os machos e fêmeas e sensível ao toque. É referido, em um sentido médico, como a fúrcula, embora o nome “o amor vale” seja mais conhecido pelas pessoas. Esta área às vezes é marcada por médicos, a fim de determinar eventuais doenças. Você não deve ser capaz de sentir o pulso se você colocar sua mão sobre ela. Tocando com seu pulso nela, você pode aferir se há um problema com sua aorta. Você também pode ter hipertensão ou um aneurisma.

8 – Columella Nasi
O nasi columella é um termo sofisticado da medicina usado para denominar a parte carnuda do seu nariz. É a cartilagem lateral inferior, que forma as narinas de seu aparelho respiratório. Esta é uma outra parte do corpo que algumas pessoas passaram despercebidas sem nunca realmente saber o nome. Em latim, columella significa “pequena coluna,” o que faz sentido, já que o nasi columella é semelhante a uma coluna ou pilar que ajuda a sustentar a estrutura de seu nariz. Quem diria que a extremidade inferior do seu septo teria seu próprio nome, heim?
Fonte: therichest e http://www.fatosdesconhecidos.com.br

Jovem de SP copia a Bíblia à mão em oito meses e bate recorde brasileiro

A estudante Lauane Destro Viana, de 19 anos, bateu o recorde de manuscrever mais rápido a Bíblia, informou o RankBrasil, empresa que registra recordes exclusivamente brasileiros. A jovem de Santo André (SP) copiou à mão o livro em oito meses, de 17 de fevereiro a 17 de outubro do ano passado.
“Sou cristã evangélica e leio a Bílbia todo ano desde que me converti. Quando preparava um cronograma para relê-la, ouvi a voz do Espírito Santo me pedindo para que daquela vez eu copiasse o livro”, contou.
Para ir do Gênesis ao Apocalipse a paulista utilizou 22 canetas, três corretivos e 2.923 páginas de caderno universitário  (Foto: Arquivo recordista)
O recorde anterior pertencia ao mineiro Sidney Mendonça, que copiou a Bíblia em nove meses, em 2013. Na ocasião, o rapaz, que já havia lido o livro duas vezes, estava de férias da faculdade de engenharia e afirmou ter encarado a empreitada para "fazer algo diferente".
Percebi como o livro apresenta os erros que as pessoas cometem, não só os acertos"
Lauane Destro Viana, estudante
Para ir do Gênesis ao Apocalipse, Lauane usou 22 canetas, três corretivos e 2.923 folhas de papel. “Estudava o livro entre 8 e 10 horas em média, todos os dias. Só no último mês reduzi a intensidade da transcrição, porque comecei a trabalhar como auxiliar administrativa", explicou.
De acordo com o RankBrasil, a estudante teve que enviar fotografias, vídeos e declarações reconhecidas em cartório para garantir que ela mesma realizava o desafio. Lauane, que será premiada com um troféu, disse que após ter manuscrito a Bíblia, compreendeu melhor seu livro favorito.
“Li com a atenção dobrada, já que também estava escrevendo. Desta vez, percebi como o livro apresenta os erros que as pessoas cometem, não só os acertos. Isso é importante, porque os sábios aprendem com os erros dos outros”, acredita Lauane.
Cristã evangélica, Lauane Destro Viana demorou apenas oito meses para manuscrever a Bíblia  (Foto: Arquivo recordista)
Fonte: http://g1.globo.com

Conheça seis fontes de renda do 'Estado Islâmico'

Acredita-se que grupo extremista autodenominado "Estado Islâmico", que assumiu a autoria da série de atentados que matou pelo menos 129 pessoas em Paris, seja, atualmente, a organização jihadista mais rica do mundo.
O grupo diz controlar uma área equivalente ao território do Reino Unido no Iraque e na Síria, a qual chama de "califado".
Mas de onde vem o dinheiro que abastece o "EI"? Quem financia o grupo extremista?

1. Doações
Doadores privados e instituições de caridade islâmicas no Oriente Médio ─ principalmente na Arábia Saudita e no Catar ─ foram as primeiras fontes de renda do grupo extremista.
Os benfeitores sunitas doavam ao "EI" para tirar o presidente sírio, Bashar al-Assad, do poder. Assad é alauíta, uma outra corrente do islã.
Embora o dinheiro dessas fontes ainda financie a viagem de combatentes internacionais para Síria e Iraque, nos últimos tempos, o grupo vem majoritariamente se autofinanciando.

2. Petróleo
O Departamento do Tesouro dos Estados Unidos estima que, no ano passado, o "EI" tenha ganhado milhões de dólares por semana, ou US$ 100 milhões (R$ 377 milhões) no total, da venda de petróleo e derivados a intermediários. O combustível é vendido à Turquia e ao Irã, ou ao próprio governo sírio.
Mas ataques aéreos contra a infraestrutura do grupo extremista, como refinarias, por exemplo, vêm diminuindo essa fonte de recursos.
3. Sequestros
Os sequestros promovidos pelo grupo geraram pelo menos US$ 20 milhões (R$ 75 milhões) em recompensas pagas em 2014.
Um desertor diz que o "EI" tem um departamento inteiramente dedicado a realizar sequestros, conhecido como "Aparato de Inteligência". Jornalistas estrangeiros são os principais alvos.
O sequestro também serve como uma ferramenta de propaganda valiosa para a organização.

4. Roubo, pilhagem e extorsão
Outra fonte de renda do "EI" é a extorsão praticada contra milhões de pessoas que vivem em áreas sob seu controle total ou parcial, de acordo com o Departamento do Tesouro americano.
Os pagamentos são feitos por aqueles que atravessam o território ou mantêm negócios ali, ou mesmo moradores, em troca de serviços ou "proteção" por parte do grupo extremista.
O "EI" também se financia por meio de assaltos a bancos, pilhagem e venda de antiguidades, e roubos de colheitas ou gado.

5. Imposto sobre minorias religiosas
As minorias religiosas são forçadas a pagar um imposto especial, chamado de "jizya".
Um comunicado divulgado pelo "EI" em mesquitas da cidade iraquiana de Mossul, no norte do país, no ano passado, convocava os cristãos a se converter ao islamismo, pagar a jizya ou enfrentar a morte.
"Vocês têm três opções: (aderir ao) islã, o contrato dhimma – que envolve o pagamento da jizya -, ou a espada", dizia o comunicado.

6. Escravidão
O "Estado Islâmico" também obtém receita ao vender meninas e mulheres sequestradas como escravas sexuais.
Quando o grupo extremista tomou a cidade de Sinjar, no norte do Iraque, a minoria religiosa yazidi disse que milhares de meninas e mulheres foram aprisionadas e muitas usadas como escravas sexuais.
Na ocasião, uma mulher yazidi, Hannan, disse ter escapado do "EI". Em entrevista à BBC, ela afirmou ter sido levada junto a outras 200 meninas e mulheres a um mercado de escravas sexuais, onde combatentes do grupo extremista faziam lances por elas, numa espécie de leilão informal.
Fonte: BBC Brasil e http://g1.globo.com
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...