10 maio 2016

Suzane von Richthofen tem um novo amor

Condenada a 39 anos pela morte dos pais, Suzane von Richthofen voltou um dia antes do previsto para a Penitenciária de Tremembé, interior de São Paulo, após saída temporária para o Dia das Mães. A mudança de planos ocorreu depois que uma reportagem do Fantástico, da Rede Globo, veiculada no último dia 8, mostrou que ela não estava entre 21h e 8h no endereço que havia declarado à Justiça. No lugar em questão, localizado na cidade de Angatuba, há um comércio de tecidos e um pequeno conjunto de casas atrás da loja. Na noite do mesmo domingo, a polícia a encontrou em um sítio no município e levou Suzane de volta para a cadeia. Ela cumpre pena em regime semiaberto e, agora, pode perder o benefício da saída temporária (tem direito a cinco datas por ano) . Além disso, corre o risco de voltar para o regime fechado. Segundo a defesa de Suzane, houve um equívoco que será esclarecido nos próximos dias à Justiça.
"Ela não agiu de má fé", afirma o defensor público Ruy Freire. "Minha cliente estava a 3 quilômetros do local fornecido e houve um erro de cadastro do endereço."
© Fornecido por Abril Comunicações S.A. suzane von richthofen
Em uma das casas do endereço informado por Suzane à Justiça reside o genro do novo namorado de Richthofen. O homem que está se relacionando com Suzane tem 37 anos e mora em Itapeva, mas possui uma empresa de transportes e mudanças em Angatuba. Ele segue há doze anos a igreja evangélica e visita todo mês em Tremembé sua irmã, condenada a 18 anos e nove meses por um crime ocorrido em 2012.
Ele e Suzane começaram a se aproximar no segundo semestre do ano passado nos dias de visitas em Tremembé. O rapaz se divorciou em setembro de 2014 e Suzane terminou o relacionamento com Sandra Regina Ruiz Gomes, o Sandrão, com quem morou junto numa ala da cadeia destinada a casais, após a ex-parceira ser transferida para o regime semiaberto em março de 2015. Hoje, Sandrão cumpre pena no Centro de Ressocialização Feminina de São José dos Campos.
No dia 11 de março deste ano, após catorze anos presa, Suzane deixou pela primeira vez a penitenciária para a saída temporária de Páscoa com destino à casa do namorado, em Itapeva. Enquanto todas as detentas saíram por volta das 9h da manhã daquela data, Suzane foi a única a deixar o local às 15h35 usando um disfarce. Ela saiu com uma peruca e embarcou dentro de uma caminhonete cinza de um cunhado do namorado. No noite do domingo passado, Suzane estava no sítio que pertence a um parente de seu namorado. Procurados pela reportagem de VEJA SÃO PAULO, nenhum dos dois quis falar sobre o romance.
Fonte: MSN Notícias e Veja São Paulo

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...