20 dezembro 2016

Graças a Rogue One, Disney se torna o primeiro estúdio a arrecadar mais de US$ 7 bilhões em um único ano

Faltando pouco mais de 10 dias para o final de 2016, a Disney conseguiu fazer deste ano o mais rentável de sua história. A companhia quebrou todos os recordes e estabeleceu uma nova marca a ser batida ao arrecadar US$ 7 bilhões nas bilheterias mundiais.
A meta foi atingida graças ao desempenho fenomenal de Rogue One: Uma História Star Wars, que estreou no último final de semana e já arrecadou impressionantes US$ 290 milhões e deve dominar as salas de cinema durante as festas de final de ano.
Até ser superado, o estúdio que detinha o recorde de arrecadação anual nas bilheterias era a Universal Pictures, que terminou 2015 com uma arrecadação total nas bilheterias globais de US$ 6.89 bilhões, depois de lançar produções como Velozes & Furiosos 7, Cinquenta Tons de Cinza e Jurassic World - O Mundo dos Dinossauros.
Em 2016, a Disney se tornou o estúdio cinematográfico que mais rápido arrecadou US$ 2 bilhões nos Estados Unidos, US$ 3 bilhões em territórios internacionais e US$ 5 bilhões globalmente.
O sucesso financeiro da The Walt Disney Company foi alcançado graças a produções de suas subsidiárias, incluindo aí a Marvel Studios, Lucasfilm, Pixar Animation Studios, além, é claro da Walt Disney Studios e Walt Disney Animation Studios.
Filmes como Procurando Dory, Capitão América: Guerra Civil e Zootopia - Essa Cidade é o Bicho conseguiram, sozinhos, arrecadar mais de US$ 1 bilhão - Mogli - O Menino Lobo chegou perto, com US$ 966 milhões arrecadados. Houve ainda alguns fracassos de crítica e público, como Alice Através do Espelho (arrecadou US$ 299 milhões) e O Bom Gigante Amigo (US$ 178 milhões).
"Esta conquista histórica é possível porque nossos estúdios estão oferecendo o melhor que há, contando grandes histórias de todo tipo que impactam públicos de todos os países, gêneros e gerações", afirmou Alan Horn, presidente da Walt Disney Studios, em um comunicado.
Imagem relacionada
Conteúdo criado por AdoroCinema

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...